Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei Jorge Kishikawa




Retornar para últimas postagens

    16-jan-2008

    Olho Rasgado

    Há 100 anos, chegaram os primeiros japoneses no navio Kasato maru, desembarcando no porto de Santos. 
    Daquela época até os dias de hoje, muita história para contar.
    Nestes dias, enquanto dava entrevista a um jornal, apesar de não pertencer às primeiras gerações dos primeiros que chegaram aqui, lembrei-me de uma que compartilho com você. 
    Meu pai, recém formado em engenharia no Japão, veio a trabalho numa multinacional americana aqui no Brasil. Nos tempos em que era moleque, quando tinha os meus 7 e poucos anos morávamos na Grande São Paulo e vivia, por um lado, entre colegas brasileiros e, por outro, descendentes de japoneses. Meus primeiros colegas foram brasileiros. E eram amigos do peito. 
    Mesmo assim, naquela época (estou falando dos anos 70) sofri preconceito. Provocavam-me com adjetivos pejorativos como japonês de olho rasgado e outros. Faziam gozações imitando um japonês e por aí vai. Só faltavam jogar pedra. Isto foi até o final dos anos 80.

    Não guardo mágoas deste período, e fico contente duplamente. 
    Primeiro, ao ver que, hoje, apás 100 anos, o Brasil recebe de braços abertos a comunidade do Sol Nascente. Basta ver a TV, abrir um jornal. Centenário. É o assunto do dia. 
    Em segundo, apesar de não ser das mais agradáveis de se contar, por ter vivido e sentido na pele um pouco do que os pioneiros passaram nesta terra para chegarmos até o que somos hoje. 
    Todo descendente de japonês, deve ao menos tentar compreender o que é, de fato, 100 anos.
    100 anos de luta.


    sabetsu = preconceito




    topo

    (+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
    (+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h