Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei




Tag  todos        Retornar para últimas postagens

14-dez-2017

16º TBEK - KENJUTSU COMBATE - Tsuki Nito



César X Meloni
Shiai de Graduados no 16º Torneio Brasileiro por Equipes de Kobudô

04-dez-2017

16º TBEK - KENJUTSU COMBATE - Sune



Siqueira X Amargos
Shiai de Graduados no 16º Torneio Brasileiro por Equipes de Kobudô

29-nov-2017

Shugyo com Sensei: Foco

"Sensei me pediu para ser mais enérgica com as outras mulheres e isso está me perturbando de certa forma. Tenho medo de ser enérgica demais para não desencorajar outras mulheres, mas ao mesmo tempo o modo como estou agindo pode ser sim uma forma de segregação. O ideal, como em tudo na vida, é o meio termo, mas encontrar este ponto é mais difícil do que eu pensava.
Após o treino retornamos para a ADM onde recebi uma missão de certa forma inusitada do Sensei: cortar o cabelo. Não é exigido das mulheres que tenham os cabelos curtos para o Shugyo (retiro espiritual com o Sensei), é solicitado apenas que ele seja mantido amarrado. Nunca tive problemas em cortar o cabelo, na verdade me divirto fazendo isso, meu problema sempre foi fazer qualquer coisa no meu cabelo por ordem (ou opinião) de outra pessoa. E eis aí um problema meu que nunca foi desafiado após a pré-adolescência. Embora eu não tenha sequer titubeado na hora de dar o Hai !(sim senhor!), confesso que enquanto a cabeleireira fazia seu trabalho eu me senti muito estranha, sem ter muita certeza do que estava sentindo. 
Até voltar para a ADM, tomar um banho e só precisar dar uma ajeitada no cabelo com os dedos no dia seguinte, aí percebi que o Sensei só me livrou de mais uma distração.
O restante do dia foi dedicado à organização dos meus dias pertences e alojamento." Thais Boeira - Niten Porto Alegre

Se você não sabe o que quer, não me procure
Você deve estar pronto para "morrer", se vir para o Shugyo




28-nov-2017

Ao final do dia, a felicidade


"Yoroshiku Onegai shimasu!

Fui para o Shugyo (Retiro espiritual com o Sensei) pensando que iria para entender o caminho da espada, que entenderia como funciona o instituto... lá aprendi algo que jamais imaginaria aprender em uma rotina intensa de tarefas e treinamentos.

Lá, no primeiro dia os senpais me disseram para “não ser afobado quando recebesse uma ordem” e logo nos primeiros contatos com o Sensei, ele me disse para sorrir mais. Tomei um “men” no espírito após receber esses ensinamentos, que vão me ajudar muito no meu cotidiano, principalmente agora em que entrarei no internato, fase na qual precisarei muito de uma boa comunicação e de uma boa relação médico paciente.

A rotina de todos os dias acordar muito cedo, realizar muitas tarefas ao longo do dia nos faz perceber como somos acomodados e perdemos tanto tempo com coisas inúteis e deixamos de fazer as tarefas importantes de nossa casa, de interagir e de ter zelo por aqueles com quem nos importamos. Além disso, percebi que mesmo tendo um dia extremamente desgastante, não só é possível ter muita energia para um treino intenso como é possível manter essa energia até o fim.

Não há como traduzir totalmente em palavras como é ou o que acontece durante o Shugyo, mas ao tentar fazê-lo, se tem um pouco de nostalgia de tudo aquilo que aconteceu, até mesmo das tarefas mais cansativas e desagradáveis, visto que se percebe como se deu a sua evolução e aprendizado, principalmente por estar perto da figura do Sensei, que com poucas palavras e olhares, percebe quem nós somos, e o que precisamos melhorar, não só no caminho, mas para sermos mais felizes. Isso, só se acha no Niten, um caminho em que o principal não é a técnica nem ser melhor que ninguém, mas um caminho em que aqueles que estão à sua volta querem que você seja uma pessoa melhor e mais feliz, por meio dos katas e maneiras que aprendemos no cotidiano.

Ainda que triste por partir, vou para casa muito grato e muito feliz, com experiências que me marcaram profundamente; para o entendimento do caminho e da minha pessoa, com uma sensação de dever cumprido, mas ainda com muito para aprender e entender a fim de estar muito melhor para a próxima vez que voltar...

Domo Arigatou Gozaimashitá ao Sensei por nos possibilitar essa experiência.
Domo Arigatou Gozaimashitá aos Senpais que me ajudaram tanto durante o Shugyo.
Domo Arigatou Gozaimashitá a todos aqueles que me deram condições para que pudesse fazer um shugyo.

Sayounará Arigatou Gozaimashitá!" - Müller (Unidade Porto Alegre)



Tags: Shugyo,
27-nov-2017

Pan-Americano EUA 2 - Dream Big

"... Last days - "Without a dream, a strong will and perseverance no objective is achieved".
This was the lesson he learned from the old masters. And this is exactly what brought us here. Sensei"s dream of creating a unique institute that would not only teach the ancient martial art of sword but also the Samurai culture, tradition and other values that had been long forgotten, even in Japan.

Teaching fine art for elevated spirits...
Niten is here to stay. And grow !" - Barreto (São Paulo)

Tradução:

"... Últimos dias - "Sem um sonho, força de vontade e perseverança nenhum objetivo será alcançado".
Essa foi a lição que ele aprendeu dos antigos mestres. E isso é exatamente o que nos trouxe aqui. O sonho do Sensei de criar um Instituto único que poderia não apenas ensinar as antigas artes marciais da espada mas também a cultura Samurai, tradição e outros valores que foram esquecidos até mesmo no Japão

Emsinar uma bela arte para espíritos elevados...
Niten está aqui para ficar. E crescer!!" - Barreto (São Paulo)



Saindo em busca de adrenalina



Vou mexer com você!



Tripulantes das Galaxias



Here is the power of the future!



Go West



Sonhos de um dia no Colorado: Sekigahara na neve



Sonhos de um dia no Colorado: o Lago Azul (congelado)



Como se lança uma Revolução: tendo Coragem e Determinação



Respirando o sublime Garden of Gods



É muita gente...



Estivemos lá: Colorado Rocky Mountain Park



Judo, Jiujitsu e Niten: juntos no mesmo barco



É uma coisa mágica: a ponta sumiu!



Boulder (Denver) : o importante é não parar



"Orientales, mirad la bandera": Uruguai no Pan



Niten: argentinos, uruguaios e americanos unidos em um só sentimento



Momento mágico: O encontro entre guerreiros



A Espada abençoada do Garden of Gods




Nós sonhamos grande!

22-nov-2017

Pan-Americano EUA 1 - Light and Happy

"Our first days in Miami in preparation for the Pan American Encounter was beyond my expectations. The Brazilian, Argentinian and American teams commingled very well and supported one another during the whole time.

After the preparations came the training. Heavy training followed by shiais in which even the newcomers and beginners had a chance to fight and feel the adrenaline pumping was an unforgettable experience to watch Sensei practicing in Miami.
I think that we are going in the right direction and that Niten has a bright future in the US.
Our bodies may be tired but our souls are light and happy...." Barreto - São Paulo


Tradução: 

"Nossos primeiros dias em Miami em preparação para Encontro Pan-Americano ultrapassaram minhas expectativas.
Os grupos Brasileiros, Argentinos e Americanos se entrosaram muito bem e apoiaram uns aos outros durante todo o tempo. 
Após os preparativos veio o treino. Treino pesado seguido por Shiais (Lutas) em que até os visitantes e iniciantes tiveram a oportunidade de lutar e sentir a adrenalida pulsando, foi uma experiência inesquecível assistir ao Sensei praticar em Miami.
Acredito que estamos indo na direção certa e que o Niten tem um futuro brilhante nos Estados Unidos.
Nossos corpos podem estar cansados mas nossos espíritos estão leves e felizes..." Barreto - São Paulo
 




Manhã histórica em Miami: Chegamos.





A Casa cheia no Suburi a todo vapor!





Pintando Manet no Colorado





Colorado!





Samurais em Denver





Denver Banzai!





Samurais no far west 





Tomahawk?





A Arte Samurai chega em Miami! 





Happy End!


17-nov-2017

16º TBEK - KENJUTSU COMBATE - Tsuki


Dalacqua x Neves
Shiai de Graduados no 16º Torneio Brasileiro por Equipes de Kobudô

16-nov-2017

PORTO ALEGRE 20 ANOS 2





"É uma comemoração que reflete a perseverança do Sensei, indo ao Japão para buscar o Kobudo e dedicando sua vida para aprender e ensinar o Caminho; a perseverança do Senpai Joel, que há 20 anos aceitou o desafio de acreditar e treinar com o Sensei, e a perseverança do Senpai Alessandro que aceitou o desafio de assumir a unidade Porto Alegre quando Senpai Joel foi para a Argentina." - Jonatha (Unidade Porto Alegre)

 




"Outro fato muito marcante, foi o convívio com todos os colegas de outras unidades do Brasil, Chile e Argentina. Essa diversidade de pessoas me deixou com muita vontade de ir em mais eventos do Niten, em São Paulo, para rever esses colegas e conhecer (lutar com) outros." - Mara (Unidade Porto Alegre)








"Arigatou Gozaimashita ao Senpai Alessandro por tocar Porto Alegre e não desistir, arigatou gozaimashita pelo Senpai Joel viajar horas e horas para trazer o Niten para o sul e continuar levando o Niten para o mundo, e arigatou gozaimashita ao Sensei, por ter um sonho, ir atrás dele, fazer dele uma realidade e incentivar a outros a compartilhar o mesmo caminho, com passos largos para frente." - Daniela Cavalheiro (Unidade Porto Alegre)






"No Shin Hagakure Sensei nos ensina que devemos subir a montanha. Agora percebi que não devemos esperar até ficarmos mais experientes ou confiantes para tal - quanto mais cedo subirmos, melhor." - Rocha (Unidade Porto Alegre)







"Desde la selección del Parque Bondinhos Aéreos de Canela, dónde pudimos disfrutar de un paisaje natural magnífico, calmo y armonioso, hasta el paseo por el centro de Gramajo, dónde contemplamos un desfile tradicional y disfrutamos de un paisaje urbano particular y encantador en su propia manera." - Daiana (Unidade Buenos Aires)






"O tema dos Momentos de Ouro foi: A Coragem!" - Noemi (Unidade Caxias do Sul)






"Quando falamos de Sensei imaginamos alguém que é bravo e fechado aos outros, mas quando pudemos conhecer o Sensei Jorge Kishikawa pudemos ver que ele é bem humorado, porém sério quando precisa ser. O que mais gostei no Gashuku de 20 anos do Instituto Niten em Porto Alegre foi o shiai no final, com torcidas animadas." - Emannuel (Unidade Caxias do Sul)






"20 anos é um bom tempo, mas passa rápido!". Essa foi a frase recorrente do Sensei para o Evento. Mas confesso que, ao ouvir estórias pra lá e pra cá" - do início do Senpai Joel, primeiros treinos em Poa, pioneirismo em outros países do Sul, e expansão para cidades de Caxias, Novo Hamburgo e Gravataí , senti que 20 anos estavam mais pra 40. Aconteceram tantas coisas nesse Caminho que só quem vive intensamente pela espada, e pelos outros, poderia cumprir em tão "pouco" tempo." - Shindi Sakaguti (Unidade Curitiba)






"Momentos de Diamante que recebi na janta de domingo (devidamente anotados em um guardanapo pois era o que tinha disponível no momento): Que possamos todos treinar para sermos felizes e vivermos intensamente!" - Fontes (Unidade Porto Alegre)










"Participar do Gashuku dos 20 anos da Unidade do NITEN Porto Alegre foi a comprovação de estar trilhando o Caminho pela direção correta!" - Machado (Unidade Novo Hamburgo)






“Treinar com sinceridade, caminho da felicidade!”- Vera Piccoli (Unidade Caxias do Sul)

14-nov-2017

PORTO ALEGRE 20 ANOS 1 - O Niten não tem outro jeito

"Neste evento do Niten participei muito mais como organizador do que jamais tive oportunidade de ser. A responsabilidade foi grande, cada falha e dúvida eram um abismo para mim, os nervos estavam à flor da pele o tempo inteiro no primeiro dia: Senki, meu espírito estava em guerra, agitado, atento, atendendo tudo que pude, buscando compensar cada erro e fazer o melhor para o evento."









"Pela manhã cumpri minha missão preferida: cuidar do treino do KIR Jovem - e foi ótimo ver a vontade dos pequenos lutando, como começaram receosos e então logo estavam soltando todo o kiai a cada exercício! Cada um lutando com Takemitsu, muito orgulho dos nossos KJ atacando e avançado com kiai e a cada Hajime aumentando a energia e a alegria de estar ali."










"Depois de falar com os pais e voltar a me dedicar com todo o foco ao evento eu cheguei a esquecer de treinar. Foi preciso que a Senpai Tais mandasse parar tudo e fazer os katas do Iaijutsu. Poucas repetições com o melhor que eu poderia fazer e atento às correções do Sensei, esse foi meu treino do Iaijutsu Kishikawa Ryu. No Suio Ryu me permiti treinar mais. Aproveitava cada oportunidade em qualquer um dos quadrados, quando algum colega cansava eu me aplicava ao máximo para repetir meus katas observando e ouvindo as correções dos Senpais. Entre treinos intensos e vigorosos e orientações para os mais novos que precisavam de ajuda para organizar o evento consegui fazer valer minha Iaito por este dia, fico muito feliz cada vez que posso usá-la."






"No momento dos shiais passei todo o tempo verificando os bogus dos colegas e concentrando meu espírito na luta que estava por vir. Depois que botei meu Men lembrei das palavras do Sensei sobre a tranquilidade de quem entra no duelo, me preparei leve e respirando normalmente."








"Quando estava entrando no círculo estava começando a agitar meu espírito e então nosso general, Takemitsu - que sempre dava dicas de como atacar e sugerindo kamais para nossos combatentes chimangos - deu o comando "vai lá e acaba com ele, Petersen" e foi assim que meu espírito se inflamou completamente, entrei lá para não restar dúvidas da minha luta, para mostrar a minha dedicação na frente do Sensei e meus colegas de espada."






"Kiai, energia, tudo que o Senpai Alessandro sempre cobra e já está no sangue, escrito no espírito. Só voltei do estado de duelo para o evento do Niten depois de sair da arena.
Nossa festa foi uma oportunidade de novamente poder conversar por alguns minutos com o Sensei, me sinto muito feliz de ser merecedor de escutar o Sensei. Homenagear ao Senpai Joel e agradecer mais uma vez a dedicação, esforço e persistência do Senpai Alessandro em nos oferecer uma unidade tão forte e tão boa. Senpai Alessandro é majime. Sempre quero demonstrar o valor do nosso Senpai e é muito bom poder em um evento como este agradecer e pedir para continuar nos colocando no caminho, e percebo que é este tipo de sentimento que o Senpai Alessandro tem pelo Senpai Joel e acredito que hoje entendo bem o que é isso. Conversar com os colegas que vieram para prestigiar o evento e dividir esse momento de gratidão pela fé do Sensei em dividir conosco seu sonho e a peregrinação do Senpai Joel para oferecer a todos nós a oportunidade do caminho."






"A viagem a Canela e Gramado foi uma revisitação das paisagens da minha infância com meus pais aos olhos de um samurai visitando o lugar com seus pais e irmãos do caminho. Memórias desse tipo de viagem já eram ouro e hoje são diamante.
O convívio com os colegas queridos, vindos de longe, apresentar as vistas e belezas das nossas terras e dividir tudo com pessoas tão especiais que compartilham convicções e ideais, é uma família verdadeira, é um sentimento muito bom. Do início ao fim do dia cada conversa com os colegas foi uma alegria."










"Escutar o Sensei foi intenso e emocionante para mim. Não esperava ser chamado pelo Sensei para sentar à sua mesa e poder escutar as orientações e ensinamentos diretamente da fonte. Foi o final perfeito para a viagem."






"O jantar de Caxias na mesa das crianças me deu mais leveza e alegria novamente para acabar o dia sabendo que mesmo os mais jovens sabem muito bem o que estamos buscando no Niten."








"Não tenho a menor dúvida de que é essencial e meus filhos, quando tiver, estarão no caminho desde o dia que nascerem e treinando no Niten desde o dia que puderem começar. Onegaishimassu, precisamos de mais 20 anos pelo bem das próximas gerações!"








"Já faz muito tempo que tenho certeza de que o Niten é essencial para mim e quero seguir este caminho. Este evento mostrou que meu sentimento é de amor, dedicação e vontade de oferecer tudo de mim para permanecer fortalecendo o Instituto e a mim neste caminho."






"Não podemos parar, não podemos diminuir, por tudo que o Sensei e os Senpais nos oferecem, só resta seguir com todo kiai à frente. Depois de conhecer a vida com Niten não existe outro caminho para quem ama o que é certo e bom."







"Para todas as outras coisas na vida se dá um jeito, mudam os empregos, os amigos, muda a vida e a rotina... Mas o Niten não tem outro jeito: é só no Niten!"

13-nov-2017

16º TBEK - Crianças
















































topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-8h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h