Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei Jorge Kishikawa




Tag  todos        Retornar para últimas postagens

25-dez-2019

DOJOS

20-dez-2019

S.P.E.E.D

Mensagem do Aluno Juan Borrero de Miami sobre a Ida do Sensei:



TRADUÇÃO:

"Shitsurei Shimassu Sensei
Espero que o Sensei esteja bem essa noite. Segue minha melhor tentativa de colocar em poucas palavras as cinco coisas que aprendi durante a visita do Sensei.
Ao refletir sobre o treinamento, minha memória mais recorrente era a velocidade, então usei-a como um acrônimo para descrever as 5 coisas que aprendi.
 
S é para a velocidade, à medida que cresço em meu aprendizado no Niten, ganho velocidade em ataques com o shinai. Isso é algo em que todos devem pensar e praticar. Dito isto, notei que mesmo quando o Sensei "diminui" sua velocidade impressionante ao ensinar e treinar os alunos e os de Senpai, ainda é incrivelmente rápido.
 
P é para precisão, à medida que ganhamos velocidade, também devemos praticar a precisão de nossos ataques. Juntos, eles formam uma unidade. Uma demonstração disso foi feita com todos os Kohai com o Sensei empunhando o Kusarigama. A precisão deve ser praticada, mas não ignore a velocidade, elas andam de mãos dadas.
 
E é para energia, devo treinar para equilibrar minha energia, usá-la quando necessário e gastá-la quando necessário. Não quero confundir isso com Kiai, refiro-me à energia física, a que usamos para executar uma tarefa. No Niten, gastamos muita energia, preciso aprender a gastá-la com mais eficiência.
 
E é para noção espacial, praticamos com muitas pessoas (Ipo Miggi), nosso foco estava em nossos parceiros de treinamento. Nosso local de prática tinha uma janela para o exterior. Em algum momento do treino, o Sensei atrasou o treinamento devido a algo acontecendo do lado de fora, eu não estava ciente disso, mas o Sensei estava. Devemos estar cientes de todos os nossos arredores, por dentro e por fora. Fu Sui Un Bun vem à mente, aqui.
 
D é para determinação, já que nossos corpos se cansam, mas nós nunca paramos o treino. Eu tive que parar e recuperar o fôlego, mas estava determinado a continuar. O Sensei estava determinado a viajar, treinar e transmitir seu conhecimento. Eu estava determinado a praticar, ouvir e aprender. À medida que crescemos através do Niten, precisamos ter a determinação de extinguir as ervas daninhas que comem nossos valores fundamentais. Sempre em frente!
 
Obrigado por seus ensinamentos, Sensei, o explícito e o sutil.
 
Sayounara, Arigatou Gouzaimashita"
Juan Borrero - Miami

Resposta do Sensei:


Feliz em ver que Juan pensou profundamente sobre o tema
Ele teve uma percepção de que os outros não têm. Isto é fantástico!
Juan, não tenha medo de começar um novo dojo.
A vida será mais intensa!




1




TEXTO ORIGINAL

"Shitsurei Shimassu,
 
I hope I found you well this evening. Below is my best attempt at putting into short words the five things I learned during your visit.
 
As I reflected on the training my most recurring memory was speed, so I used it as an acronym to describe the 5 things I learned.
 
S is for Speed, as I grow in my learning with Niten I gain speed in strikes with the shinai. This is something all must think and practice upon. Having said that, I noticed that even when Sensei “slows down” his striking speed when teaching and training students and Senpai’s it is still blazingly fast.
 
P is for Precision, as we gain speed we must also practice the precision of our strikes. Together they form one unit. A demonstration of this was done with all Kohai’s with Sensei wielding the Kusarigama. Precision must be practiced, but do not ignore speed, they go hand in hand.
 
E is for energy, I must train to balance my energy, use it when required, and expend it when necessary. I don’t want to confuse this with Kiai, I refer to physical energy, that which we use to perform a task. In Niten we spend loads of energy, I must learn to spend it efficiently.
 
E is for Environmental Awareness, we practiced with many partner changes (Ipo Miggi), our focus was on our sparring partners. Our practice location had a window to the outside. Sometime during the practice Sensei slowed the training due to something happening from the outside, I was not aware of it, but Sensei was. We must be aware of all our surroundings, inside and outside. Fu Sui Un Bun comes to mind, here.
 
D is for determination, as our bodies grew tired, we never stopped to continue the practice. I had to stop for a spell and catch my breath, but I was determined to continue. Sensei was determined to travel, train, and impart his knowledge. I was determined to practice, listen, and learn. As we grow through Niten, we must have the determination to extinguish the weeds that eat at our core values. Always Forward!
 
Thank you for your teachings Sensei, the explicit and the subtle.
 
Sayounara, Arigatou Gouzaimashita"
 
Juan Borrero


Glad to see Juan thought deeply about it
He had a perception that others do not have. This is fantastic!
Juan, don`t be afraid to start a new dojo.
Life will be more intense

18-dez-2019

Revitalizar





Na minha juventude, eu preenchia os meus domingos em busca de medalhas e exames de faixas quase que semanalmente. Ganhei muitas e tenho a agradecer a todos que me apoiaram.
Com o Niten há 27 anos, troquei meus sonhos: dar a espada que dá a vida.
E não pense você que é mais fácil não. Ao contrário, requer coragem, honra, sabedoria e, principalmente algo que não precisei naquela época :compaixão.
Ontem, só eu, no caso, vencedor, saia feliz. Hoje, todos saímos vencedores: por onde o Niten passa o mundo fica feliz.
Revitaliza.
Jovens com compaixão, venham juntar se ao nosso clã!




13-dez-2019

GASHUKU - Uma lição para toda a vida.

"Esse último gashuku de fim de ano foi muito intenso para mim, com muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo, pouco tempo para descansar, algumas coisas para resolver e muito o que aprender. Já faz algum tempo que treino em Brasília, foi em 2012 quando fiz minha primeira aula experimental e minha matrícula e comecei a treinar iaijutsu.
Sempre fui uma pessoa muito quieta, fisicamente e mentalmente, para não dizer sedentário e tímido. O pessoal do trabalho tinha iniciado umas atividades fitness, com corrida, esportes e alimentação saudável. E eu nunca havia me interessado por essas coisas e, embora não tivesse problemas com meu peso, me sentia uma pessoa muito desmotivada para fazer qualquer coisa e tomar iniciativas. Isso ficava muito evidente para as pessoas a minha volta, que começavam a me dizer que se eu não fizesse nada da minha vida iria morrer aos 40 anos com uma bolsa de xixi amarrada ao meu abdômen e pesando 200 kg.
Incomodado com as críticas resolvi fazer algum exercício físico. Mas como achava muito chato correr, resolvi começar uma arte marcial. E, foi quando ouvi falar do Niten pela internet e resolvi conhecer.
 
Primeiramente ao fazer a matrícula e me apresentar no primeiro treino falei que procurava no Niten um lugar para fazer exercícios físicos, vulgo academia. E, pouco mais de um ano de treino me vi incomodado com a forma de como o Niten tratava as pessoas. Definitivamente o Niten não é uma academia. Não dá para ir 3 vezes na semana suar a camisa, dizer um bom dia vazio e ir para casa satisfeito. O Niten é muito mais do que isso, e isso eu não entendi em um primeiro momento. Só depois de um ano parado sem ir aos treinos eu entendi, o Niten é um lugar para se fortalecer o espírito, o físico vem com o tempo. E, mais vale um ensinamento dos momentos de ouro do que 100 livros.
Voltei a treinar e hoje uma das melhores sensações da minha vida é poder terminar um treino pesado como esse gashuku de final de ano com sentimento que conseguí chegar até o fim e que dei o meu melhor, sem arrependimentos. Uma lição para toda a vida.
 
Arigatou gozaimashita Sensei. E, que venha 2020!
 
Sayonara."
 
 
Samuel - Dojo Brasília



Diante de um mundo em que é possivel encontrar as mais variadas, inimagináveis e até impensáveis lições com apenas um click, ainda assim não nos sentimos satisfeitos. Plenos...
O mesmo vale para quando fazemos exercícios, esportes e atividades físicas. Falta-nos algo...
Este algo é o que Samuel descreve como "as melhores sensações de sua vida".
E onde podemos encontrar então as tais "sensações"?
 
- No convívio com um mestre da vida (se tivermos a sorte de encontrar)...
Este é um depoimento evidente de que, mesmo diante dos atropelos da vida, agarre-se ao seu mestre e conseguirá chegar lá.













Samuel e os colegas do Dojo Brasília no Gashuku de final de Ano



09-dez-2019

GASHUKU - Meu Japão é aqui

"Konnichiwa, yoroshiku onegai shimasu mina san.Shitsurei shimasu.

Ir a SP traz ótimas energias e recordações.
 
Oportunidades de provar estar no mundo e andar nele.
 
Meu Japão é SP.
 
Lutar no Gashuku com vários colegas, cada qual em seu momento trouxe oportunidades de executar kamaes  exercitando distâncias e aproximações diversas respeitando meu condicionamento físico, mental e espiritual mas sempre querendo mais, desejando avançar.
 
A passagem à 4º kyu foi uma surpresa tão inesperada quanto feliz, pois aprender novos kamaes e assumir novas responsabilidades traz possibilidades infinitas de crescimento e colaboração com o Niten e na vida.
 
Agradeço profundamente ao Sensei, todos os Senpais e demais colegas por esta trajetória no Caminho e na vida que atualmente se confundem, não podendo mais ser separados um do outro.
 
Domo arigatou gozaimashita .
 
Sayounará!"  Mara - Dojo Porto Alegre




Aqueles que já tiveram oportunidade de ir ao Japão, sabem que nem lá poderão encontrar tamanha diversidade de cultura samurai em um só local.
Convido todos os que aspiram à cultura samurai a pegar um onibus ou avião e vir a São Paulo para levar ótimas energias e recordacões!
 






28-nov-2019

17º TBEK - Clinche

"Em combate samurai, o clinche é oportunidade que não permite vacilo nem mesmo para piscar!"



Massao (Dojo Sumaré) X Silva (Dojo Itaim)

26-nov-2019

17º TBEK - Garra



"Se há algo que me orgulho é dizer que aqui as mulheres não ficam para trás dos homens, principalmente a garra."

KENJUTSU Feminino no 17º TBEK
Boccia (Dojo Sumaré) X Isadora (Dojo Santos)

14-nov-2019

17º TBEK - Alegria da vida

A alegria em viver está em lutarmos com liberdade



Competição de Graduados no 17º TBEK
Massao (Dojo Sumaré - SP) X Weber (Dojo Santo André - SP)

29-out-2019

17º TBEK - Resultados







KENJUTSU MASC. 0 ~ 5º KYU

1º lugar
Balbi - Ribeirão Preto
Almeida -Sorocaba
Nishihara - Campinas

2º lugar 
Uyeda - Ana Rosa
Campos -Taubaté
Nucci - Paraíso
Italo - Rio de Janeiro

3º lugar
Breno - Santo André
Tiusso - Ana Rosa
Caldana - Jundiaí
Minier - Jacarepaguá

3º lugar
Takeo - Santo André
Scapin - Santo André
Euler - Santo André
Roda - Tucuruvi



KENJUTSU MASC. 4º KYU E ACIMA

1º lugar
Massao -Sumaré
Paiva - Tucuruvi
Couto - Tatuapé
Vital - Ana Rosa
Dalla Pria -Tatuapé

2º lugar 
Silva - Itaim
Edgar - Santana
Bergamini - Ana Rosa
Suguiyama - Ana Rosa
Gabriel - Santos

3º lugar
Gilberto - Paraíso
Donega - Ribeirão Preto
Guerrero - Ribeirão Preto
Moraes - Ribeirão Preto

3º lugar
Batalha - Campinas
Amargos - Ana Rosa
Albuquerque - Jundiaí
Rodrigo - Tatuapé


KENJUTSU - SEM BOGU

1º lugar
Arruda - Paraíso
Franceschi - Ana Rosa

2ºlugar 
Komatsu -Sorocaba
Vieira -Sorocaba



KENJUTSU INFANTIL

1º lugar
Renan - Santo André
Assumpção - Paraíso
Hatanaka -Paraíso
 
2º lugar 
Rebecka - Ana Rosa
Pedro -Taubaté
Hossaka -Paraíso
 
3º lugar
Orlean -Taubaté
Luiza -São Paulo
Nacao -Paraíso

 


KENJUTSU JUVENIL

1º lugar
Puig - Paraíso
Kazuo - Paraíso
Macedo - Santo André
 
2º lugar 
Dimitri - Jundiaí
Eduardo - Paraíso
Lucas -Taubaté

 


KENJUTSU SENIOR

1º lugar
Demberg - Ana Rosa
Amargos -Sumaré
Kinugawa - Ribeirão Preto

2º lugar 
Lucio - Ana Rosa
Guimarães -São José dos Campos

3º lugar
Edgar - Santana
Impieri - Rio de Janeiro
Akazawa -São José dos Campos

3º lugar
Batalha - Campinas
Gonçalves - Ana Rosa




KENJUTSU FEMININO 

1º lugar
Luciana - Rio de Janeiro
Sato - Ana Rosa
Dias -Taubaté

2º lugar 
Silvia -Sumaré
Aryane -Butantã
Thais Boccia - Sumaré

3º lugar
Larissa - Campinas
Ana - Santana
Isadora - Santos

3º lugar
Ana Lucia - Ana Rosa
Lorena - Paraíso
Malerba - Santo André




IAIJUTSU 0 ~ 4º KYU

1º lugar
Arcieri - Santo André
Takeo - Santo André
Weber - Santo André
Renan - Santo André
Franco - Santo André

2º lugar 
Assano - Higienópolis
Silva - Itaim
Rebecka - Ana Rosa
Dalla Pria -Taubaté
Isabella - Higienópolis

3º lugar
Luciana - Rio de Janeiro
Morais - Ribeirão Preto
Dias -Taubaté
Italo - Rio de Janeiro
Valdez - Ana Rosa

3º lugar
Luciana - Rio de Janeiro
Morais - Ribeirão Preto
Dias - Taubaté
Italo - Jacarepaguá
Valdez - Ana Rosa




IAIJUTSU - 3º KYU E ACIMA

1º lugar
Albuquerque - Jundiaí
Guilherme - Campinas
Toshi -Sumaré
Bergamini - Ana Rosa

2º lugar 
Amargos -Sumaré
Larissa - Campinas
Germano -Sorocaba
Todesco -Sorocaba
Kate -Sorocaba

3º lugar
Gilberto - Paraíso
Walter -Higienópolis
Cortes - Rio de Janeiro
Felipe -São José dos Campos




JOJUTSU

1º lugar
Rosa-Sorocaba/ Renê -Sorocaba
Emílio-Sorocaba/ Todesco -Sorocaba
Komatsu-Sorocaba/ Vieira -Sorocaba

2º lugar 
Vital -Ana Rosa/ Dalla Pria - TAT
Silva -Itaim/ Neubauer - Itaim
Paiva - Tucuruvi/ Toshi - Sumaré

3º lugar
Bergamini - Ana Rosa/ Arcieri - Santo André
Werber - Santo André / Roger - Santo André
Franco - Santo André / Renan - Santo André

3º lugar
Massao - Sumaré / Albuquerque - Jundiaí
Takeo - Santo André /Batalha - Campinas
Sordi - Ribeirão / Euler - Santo André





Competidores do Kir Jovem com os pais





Campeãs do Kenjutsu - Categoria Feminina





Campeões do Kenjutsu - Categoria Máxima Masculina






topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h