Ir para o Conteúdo
imgcentral

Vencer os Medos


Milene Fernanda

Ao fazer este primeiro relato devo iniciar dizendo que sempre apreciei muito a Cultura Japonesa, em especial os Samurais.

Foi por admirá-los que há 6 anos atrás decidi ser desenhista de mangá e em menos de 2 anos, passei a dominar as técnicas, onde aprendi sozinha durante horas e horas analisando como era feito cada tipo de desenho e praticando muito.

Ai soube que venci uma parte de mim.

Então entrei para uma Associação de divulgação da Cultura Japonesa, com o qual conseguimos formar sedes em cidades de 3 estados.
Conheci a historia do sensei Musashi através dos Mangás.

Atualmente, alguns amigos decidiram entrar para o Instituto Niten, eu mal pude acreditar que havia sido criada uma unidade do Instituto Niten na cidade em que eu resido atualmente. Há anos acompanhava o site do instituto.
Passei então a assistir aos treinos. E as pessoas me perguntavam por que eu não me matriculava também, eu dava muitas desculpas e apenas assistia.

Fui como convidada dos alunos da Unidade Ponta Grossa - PR ao 8º Torneio de Kobudo, ocorrido em Campinas dias 17 e 18/10/2009, foi quando tomei a decisão.
Extremamente inspirada pelas técnicas utilizadas, em especial pelos sempais mais graduados, senti minha essência vibrar de euforia. Já havia sentido algo assim, quando assisti a um treino em que os alunos da Unidade Curitiba faziam uma visita a Unidade Ponta Grossa.
Decidi fazer um teste. "Será que consigo?"
Falei de meu interesse a um amigo que já é aluno, ele me explicou que eu conseguiria sim e que outras pessoas como eu também praticavam Kenjutsu e Kendô, inclusive no Japão.
A maior desculpa que usei para não me matricular é que nasci com uma deficiência, má formação congênita na mão esquerda. O membro superior esquerdo acaba onde começaria a mão.
Bom, fiz o treino teste, o Sempai Guimarães foi bastante atencioso e confirmou que eu realmente conseguiria, mas o meu ensinamento seria diferenciado por conta desta deficiência, mas que eu poderia lutar tão bem como qualquer aluno.
No que terminou o treino, me matriculei e desde então passei a sentir muita alegria e ansiedade pelo próximo treino. Agora sei que posso, não há o que impeça.

Me tornar aluna do Instituto Niten significa que dei mais um passo para vencer a mim mesma. E isto é o que mais anseio, será difícil no começo, tenho total noção disto, não só por ter apenas uma mão disponível para o treino, mas por que devo derrotar meu medo de estar diante de olhos curiosos. Pois fora este medo sei que consigo!


Arigatou Gozaimashita alunos da Unidade Ponta Grossa pelo incentivo e apoio!
Arigatou Gozaimashita Sempai Leandro Guimarães pela atenção e apoio!

Sayounara!


topo

Instituto Niten Curitiba
TEL: (41) 9119-1366
(41) 9929-7901
curitiba@niten.org.br


Instituto Niten Ponta Grossa
TEL: (42) 9902-0884
(42) 9991-2589
pontagrossa@niten.org.br