Ir para o Conteúdo

Mural Niten Rio


Estágio na ADM - Matheus

por Maheus - RJ/Volta Redonda - 08-jul-2016



Konbanwá e Shitsurei shimasu.

Neste estagio já nos primeiros dias a dinâmica da ADM me surpreendeu, não apenas por se ter que fazer tudo rápido e bem feito. Mas porque mesmo nos dias que tinha que fazer uma tarefa muito grande não podia se concentrar apenas nela, toda tarefa estava subordinada a ser interrompida para resolver alguma outra tarefa ou problema mais importante. Não podia se esperar uma rotina. Tinha que ter o espirito preparado para resolver qualquer coisa que aparecesse. O espirito de um Samurai.
E com o convívio com o Senpai Wenzel pude pegar muitas coisas. A começar pelas pequenas coisas: como secar a pia ou jogar um lixo fora em meio a correria das tarefas. E foi realmente muito bom poder ter alguém para me cobrar fazer bem cada detalhe, me ensinando a evitar cometer erros, a se aproximar da perfeição e estar atento aos pequenos detalhes do que está sendo feito.

Peguei também muitos katas do bushido quando almoçava e jantava com o Senpai Wenzel, e sou realmente grato por isso. E foi realmente muito bom para o meu caminho escutar do Senpai Wenzel algumas falhas espirituais que estavam por trás das falhas que eu cometia durante o estágio. Desta maneira pude perceber pontos fracos em mim que antes não percebia, e com isto percebi o que precisa melhorar.

Neste estágio também conheci muitas pessoas, e algumas que são lendas no Niten, como o Senpai Joel que pude conviver com ele por alguns dias e escutar dele um pouco sobre sua experiencia ao longo de vários anos no Niten. E também foi muito bom beber no birudo com os Senpais que treinam frequentemente com o Sensei e pegar algumas coisas sobre o caminho. E mesmo as unidades tendo suas particularidades tanto as unidades do Rio como as de São paulo, o Niten é o Niten a energia é a mesma.






Um momento que também me marcou, foi quando cometi um erro mais grave e tive que pagar algumas flexões, e por incrível que pareça eu fiquei feliz enquanto as pagava. Naquele momento eu senti que era ´´pra valer`` ,que eu estava seguindo o caminho ainda mais seriamente, e isso me deixou feliz.

Além disto cerca de uma semana depois do meu estagio acabar, voltei para São paulo para participar do Gashuku e pude estagiar novamente por mais uns dias e percebi que eu havia mudado, as tarefas que antes eram complicadas estavam mais simples e as resolvia mais rapidamente, estava mais atento ao que era preciso fazer. Até mesmo neste Gashuku percebi estar mais atento. E logo depois do Gashuku lembrava de algumas situações em que percebia que antes eu teria cometido erros, mas graças ao estagio não cometi tais erros .

Como estagiário eu também tinha a responsabilidade de cuidar dos estagiários mais novos. Isto me possibilitou treinar ser um Senpai. O que me é necessário pois sou Senpai a pouco tempo**

​Entre as muitas coisas que aprendi estão entre elas; dar as instruções de maneira clara, ficar de olho no outro ao mesmo tempo que fazia as minhas tarefas, ser paciente e aberto aos mais novatos, estar preparado em caso de acontecer algo errado, em resumo pensar no outro.
Até mesmo profissionalmente evolui. Porque em alguns dias tiveram entrevistas de emprego na ADM. O Senpai Wenzel me passou como achar alguém adequado a trabalhar no Niten para que eu ajudasse a entrevistar. Isto e a experiência obtida entrevistando melhorou minha visão a respeito de entrevistas de emprego, o que melhorará minha postura quanto a futuras entrevistas para empregos.

Desde o inicio do estagio percebi que aprenderia muitas coisas valiosas para o caminho e para vida. E por isso sempre que pude pedia ao Senpai Wenzel para ficar mais um pouco. E ao final do Estagio mesmo tendo os altos e baixos, as broncas, estando cansado, com um certo estresse por fazer tudo rapidamente e treinar intensivamente, não pude evitar sorrir como uma criança, porque havia aprendido muito e consegui fazer muito mais do que estava proposto. E ao chegar em casa não pude deixar de sentir falta da ADM com todo seu ritmo e energia.

Domo Arigatou Gozaimashitá! Senpai Wenzel, por ter me dado esta oportunidade, e Domo Arigatou Gozaimashitá! A todos que me ajudaram durante este estagio.
Sayonará arigatou gozaimashitá.


Matheus - Volta Redonda


​** Nota ​da ADM: Matheus coordena os treinos do Niten em Volta Redonda, e por isso corretamente pode ser chamado de Senpai já.
O termo 'Senpai` no Niten deve ser usado basicamente para quem já puxa treinos para os demais apenas.









Tags: Estagio,
comentários  

Andréa - Rio de JaneiroOmedetou, Matheus!
Guarde no coração os ensinamentos que teve!
Gambate!



Retornar para últimas postagens


    topo

    Instituto Niten Rio de Janeiro
    (021) 97673-0132
    riodejaneiro@niten.org.br