Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei




Retornar para últimas postagens

    28-set-2007

    Kenjutsu e Tibi

    E não é que o caçula ( 28 se setembro - Quero Mais! ), que mal falava comigo, hoje já veio me procurar lá pela manhã para fazer o treinamento?
    Hoje já estava falando comigo, me acompanhando até a saída, e me ajudando quando precisava. 
    Sempre alegre e ansioso para saber quando eu iria embora e se eu vou ensinar mais algumas técnicas enquanto estiver na pousada. Já deixou a sua shinai* bem do lado da mesa em que eu costumo tomar o meu breakfast.
    Acho que terei que ensinar alguma técnica.
    É prazeroso ver o kenjutsu abrir o coração do tibi*.


    *tibi = forma popular de chamar meninos. Algo como "garoto", "moleque".


    tibi (em katakana)

    28-set-2007

    Quero mais!

    O filho caçula do dono da pousada em que estou também começou kendo. Tem 7 anos.
    Enquanto eu tomava o meu café (que está longe de ser o nosso, pois é muito aguado), chamei-o para ver como andava o treinamento. E ele, por ser tímido e desconfiado, no início ficou receoso em aceitar. Falei para fazer alguns suburi e ok, foi aprovado.
    Pedi que trouxesse então 2 shinai* do irmão mais velho. Ele não entendeu direito, mas foi lá e trouxe. O irmão mais velho também, que deve ter seus 16 anos.
    Disse a eles que iria ensinar alguns golpes novos. Segurei uma em cada mão em gedan e pedi ao caçula que esboçasse um ataque frontal no men*. Na hora que ele levantou o braço já tinha percebido que fora vencido, pois minha shinai já estava no seu uchigote* ( 23 de maio - Uchigote ) e o espanto se misturou com alegria.
    - Quero mais, quero mais! - gritavam.
    Ensinei mais alguns golpes e eles falaram que iriam aplicar lá na escola e que agora iriam conseguir vencer o campeonato regional.
    Foi dificil, mas tive de convencer em não usar as técnicas, pois se tratava de segredo do kenjutsu.
    Vamos deixar assim...

    27-set-2007

    Ato heróico?

    Em inúmeras situações, gaijin*, por desconhecerem os katas do bushido, cometem erros gravíssimos no Japão. Interpretam de forma errônea um elogio, uma crítica, um conselho.

    Um exemplo do Bushido:
    "Quando um samurai se considera extraordinário por ter prestado algum tipo de serviço especial ao seu senhor, mesmo que outras pessoas pensem de igual maneira, deve ponderar que seu próprio senhor pode não pensar do mesmo modo"

    Pensar que prestou um ato heróico e deslumbrante pode se tornar repugnante e decepcionante.



    *gaijin= estrangeiro

    26-set-2007

    Momento de Ouro

    Hoje, numa loja de souvenirs, duas gaijin* se depararam com alguns escritos e perguntaram às atendentes o que estava escrito.
    Era decalque para colar atrás do celular com dizeres filosóficos ou desenhos exóticos do Japão.
    Percebi que a atendente começou dar seus tropeços, denotando que desconhecia o assunto.
    Foi então que não pude me omitir, pois era uma palavra importante e que poderia fazê-las entender, e quem sabe mais tarde procurar saber mais sobre a cultura japonesa, os samurais.
    Praticamente foi um Momento de Ouro. Ficaram estáticas e hipnoptizadas com a boca aberta. Maravilhadas.
    Não precisei falar mais nada # ( Kuden - 13 junho ).

    =+
    gaijin pessoa (hito) fora (soto)

    25-set-2007

    Otsukimi

    O Sol e a Lua sempre exerceram uma forte influência no povo japonês. Desde os períodos mais antigos, acreditava-se que tinham poderes sobrenaturais. Estão presentes na poesia, nas palavras, nos pensamentos e também inspiram as técnicas do Kobudô. 
    Já é outono aqui e hoje é um dia especial. Desde que cheguei aqui, em nenhum momento o tempo esteve tão agradável. Foram dias quentes, úmidos e chuvosos. Difícil para o shugyo...
    Mas hoje é Otsukimi: o dia para contemplar e oferendar à Lua. E, neste momento, ela se apresenta majestosa, como que dizendo:
    - Eis-me aqui.
    Flores e frutas são colocadas na varanda para oferecer a divindade Lua. Sentar na varanda e saborear as maravilhas da culinária japonesa depois do treino árduo do shugyo. Contemplando...
    Como que dando trégua à Lua, o Tempo propicia um clima agradável de um dia para o outro.
    A Lua tem sim poderes sobrenaturais...

    24-set-2007

    Ohigan

    Na semana passada estava um mormaço de 35 graus no Japão. Vamos ver se esfria um pouco a partir de agora. E hoje, segunda feira, dia 24, é feriado no Japão.
    Na realidade trata-se de uma época importante, do Ohigan. Ocorre na passagem do inverno para a primavera e outra nesta época, na passagem do verão para o outono.
    É quando vamos ao túmulo dos nossos antepassados para dar uma geral: Limpar, colocar um incenso, uma flor.
    Temos de deixar tudo bem bonitinho já antes do dia 20. 
    Não adianta só rezar e deixar o altar empoeirado, sem cuidado.
    É como o nosso dojo.

    21-set-2007

    O Livro dos Cinco Anéis 6 - Espada curta x Duas espadas

    Ao tomarmos a página 39 do Livro dos Cinco Anéis em:
    "A espada longa deve ser uada em espaços amplos e abertos, e a espada curta, em espaços fechados " 

    e a página 40 em:
    "É mais vantajoso usar duas espadas do que .....ou quando seu adversário está confinado num pequeno espaço, como o interior de uma casa"

    chegamos à conclusão de que em espaços fechados ou no "en" ( O Livro dos Cinco Anéis 3 - En ) é vantajoso utilizar a espada curta ou as duas espadas, perante a espada longa. Ou seja, todo aquele que se propõe a aprender a estratégia, tem que passar pelo aprendizado com a espada curta e com as duas espadas.

    Agora, a luta pega mesmo quando um dos combatentes entra com a espada curta e o outro com as duas espadas.
    É ver um embate entre um tigre e um leão.

    20-set-2007

    O Livro dos Cinco Anéis 5 - 1 contra 10

    Disse Miyamoto Musashi que "É mais vantajoso usar duas espadas do que uma quando se enfrenta vários inimigos ao mesmo tempo ou quando seu adversário está confinado num pequeno espaço, como o interior de uma casa."- O Livro dos Cinco Anéis pag 42 - Ed Conrad.

    Isto vamos ver no próximo torneio brasileiro a ser realizado no mês que vêm em Ibiúna.
    Que tal um contra dez?
    Não perca.

    19-set-2007

    O Livro dos Cinco Anéis 4 - Espada curta

    Em relação ao domínio das técnicas com a espada curta, Miyamoto Musashi (Musashi Sensei) era enfático:
    "Isso porque, no caso de perder a vida numa luta, é inconcebível morrer sem fazer uso pleno de todas as armas, deixando uma delas presa a cintura" - O Livro dos Cinco Anéis pág 38 - ed Conrad

    No Instituto Niten, obedecendo às normas da CBKEN (Confederação Brasileira de Kenjutsu), o praticante aprende a combater com a espada curta (wakizashi) assim que é graduado à faixa vermelha (4º kyu).
    Uma das técnicas utilizadas é a de imobilizar os braços do oponente, conferindo-lhe um yuko*.
    Na parte de katas do Niten Ichi Ryu ( O Livro dos Cinco Anéis 1 - Musashi: Uma só mão), assim que recebem o shoden*, ou seja, concluído o estágio da espada longa, aprendem os katas com a espada curta.

    Seja contra espada longa, naginata*, duas espadas ou qualquer arma, defendermos as nossas vidas até esgotar as últimas possibilidades!


    Kodachi Seiho: 7 Katas com espada curta

    *yuko= bom golpe, equivalente a meio ponto em um combate

    *shoden= diploma conferido a aquele que domina as técnicas da espada longa do estilo de Miyamoto Musashi, o Niten Ichi ryu

    *naginata=alabarda

    18-set-2007

    O Livro dos Cinco Anéis 3 - En

    O pessoal pergunta:
    - Por que o círculo no meio da quadra no combate de kenjutsu?
    Dentro das normas da CBKEN (Confederaçao Brasileira de Kenjutsu), temos o círculo denominado "en", a partir do qual os oponentes iniciam o combate.
    Entre outros propósitos, temos que o objetivo a ser alcançado é que os combatentes aprimorem as técnicas em espaços estreitos e a curta distância.

    Temos mais uma vez que o combate no kenjutsu, praticado no Instituto Niten, molda-se aos ensinamentos do grande mestre Miyamoto Musashi :

    "A espada longa deve ser usada em espaços amplos e abertos, e a espada curta, em espaços fechados - isso é o que precisa ser aprendido antes de tudo" - O Livro dos Cinco Anéis, pag 39




    topo

    (+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
    (+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h