Ir para o Conteúdo
imgcentral

Reportagens Especiais


Kendo Nippon - Niten Ichi Ryu

por Mídia - 04-abr-2008

Reportagem especial sobre o Niten Ichi ryu na Kendo Nippon



Budo no Michi : O Caminho Marcial - A satisfação de prosseguir

Continuidade Yoshuimoti Kiyoshi – Ishii Toyozumi (Prefeitura de Oita)

Retornando para sua cidade natal de Usa, seguem os passos de seu mestre, dando continuidade para o treino e herdando as técnicas de escolas de Koryu Bujutsu – Hyoho Niten Ichi Ryu e Sekiguchi Ryu – que lhes foram ensinadas em sua infância.

[Yoshimochi Kiyoshi] – Nascido na cidade de Usa, prefeitura de Oita, no ano Showa 23 (1947). Na quarta série da escola elementar aprendeu com seu pai, Mestre Gosho Motoharu, as técnicas do Sekiguchi Ryu iai e kendo; durante o ensino médio aprendeu as técnicas do Hyoho Niten Ichi Ryu. No ano Heisei 6 (1994), recebeu Menkyo Kaiden (certificado de proficiência plena) no Sekiguchi Ryu; Em Jeisei 10 (1998), no Niten Ichi Ryu; em Heisei 19 (2007), foi nomeado como sucessor de 12ª Geração do Hyoho Niten Ichi Ryu. Possui também a graduação de 7º dan em Iaido e 4º dan em Kendo. Trabalha na joalheria Tsutsumi.

[Ishii Toyozumi] – Nascido na cidade de Usa, Prefeitura de Oita, no ano Showa 28 (1952). Começou Kendo no escola elementar; Na escola fundamental começou a praticar kendo e Sekiguchi Ryu com Gosho Motoharu Hanshi. Formado pela Escola de Odontologia de Oita, com 37 anos iniciou parceria com a companhia dos Estados Unidos Dental Lab. No ano Heisei 3 (1991), representando a prefeitura de Oita, ganhou 3º lugar no Torneio Japonês de Iaido, categoria 5º dan; e segundo lugar no ano seguinte. Em 1995, desta vez na categoria 6º dan, ganhou o segundo lugar. Possui 7º dan de Iaido e 4º dan de Kendo.

Sobre a Kendo Nippon

Kendo Nippon é a mais importante publicação do mundo a respeito do Kendo e das outras artes da espada japonesa.
Esta matéria fez parte de uma série especial sobre os mestres que mantém vivos hoje os diversos estilos de Kobudo existentes, chamada "O Caminho Marcial - A satisfação de prosseguir".

Os dois herdeiros do grande mestre Musashi

O Kyoto Taikai, que acontece todo mês de maio no Kyoto Butokuden, é aberto por uma tradicional
Demonstração no Kyoto Taikai de 2007

demonstração das escolas de bujutsu, com os representantes de cada escola demonstrando os katas em duplas de acordo com os tipos: Kenjutsu, Kusarigama, Jojutsu, entre outros.

Yoshimochi Kiyoshi-san e Ishii Toyozumi-san tem representado o Hyoho Niten Ichi Ryu e o Sekiguchi Ryu no Butokuden deste o ano Heisei 15 (2003). Hoje estão com 58 e 54 anos respectivamente. Desde sua infância eles tem recebido os ensinamentos de Gosho Motoharu, Hanshi, primeiramente em Kendo, e depois nos estilos clássicos.
Mais de meio século atrás, em Kumamoto, o mestre Gosho aprendeu estas técnicas diretamente com mestre Aoki Kikuo (falecido em Showa 44 – 1967), Soke (grão-mestre) de ambos Niten Ichi Ryu de Miyamoto Musashi e Sekiguchi Ryu Iaijutsu. “Gosho Hanshi nos treinou e fortaleceu a convicção de que para praticar Kendo, mesmo as crianças devem aprender Iai e Kenjutsu”, contam.

Na demonstração do Kyoto Taikai deste ano eles representaram o Niten Ichi Ryu, mostrando o Nito Seiho, com Yoshimochi-san como Uchidacho e Ishii-san como Shidachi.

Yoshimochi-san declara: “Mesmo com o Seiho do Niten Ichi Ryu sendo definido como Kata, isto não significa apenas fazer movimentos pré-definidos. Quando a lâmina de Uchidachi está prestes a te golpear, desvie no último momento e, ao mesmo tempo, acerte-o. Se você não praticar sempre desta maneira, não conseguirá entender o espírito do Kenjutsu”. Ishii-san diz: “O-Sensei sempre nos fala durante a prática: "Vão com tudo!". Para Ishii-san, o Sekiguchi Ryu funciona da mesma maneira: “A essência do Sekiguchi Ryu é sacar a espada rapidamente e cortar também rápido, uma técnica mortal. Não pode haver hesitação. Quando você sacar, corte imediatamente”. Yoshimochi Sensei concorda: “Meu pai nos diz para pensar que as espadas não existem... na verdade elas existem, mas de qualquer forma, quando você sacar, corte! Apenas isto!”
Gosho Sensei demonstrando Sekiguchi Ryu no Kyoto Taikai na década de 1970

Anos atrás, também no Kyoto Butokuden, Gosho Motoharu impressionou os espectadores com as técnicas do Sekiguchi Ryu, mostrando o kiai explosivo, o saltos e a afiada magnificência da espada. Yoshimochi, que cresceu vendo-o desde a infância, ainda lembra-se da época, quando ainda estava na escola primária, em que foi levado por seu pai para para o templo de Kiyomasa, em Kumamoto, onde testemunhou a cerimônia seguida de Embu (demonstração de artes marciais) e encontrou-se com mestre Aoki. Comnforme ele nos conta: “Meu pai, que tinha lutado na linha do front sul, retornou para ensinar em Usa e foi convidado por Kiyonaga Tadanao, um colega do kendo, a se tornar discípulo do Soke do Niten Ichi Ryu e do Sekiguchi Ryu, Aoki-Sensei, de Kumamoto. Eu acho que isto foi quando eu tinha três anos. Kumamoto é longe de Usa, e naquela época dos trens não eram tão convenientes quanto hoje; mesmo assim, meus pais iam para Kumamoto todo domingo.
Quando o treino de Kendo foi retomado após a guerra, meu pai fundou um clube de kendo quando eu estava no primeiro grau e abriu o dojo para os jovens.
Foto tirada em 1958 nos festejos pelo retorno do Bokuto de Musashi Sensei
Foi lá que começou a me ensinar o iai do Sekiguchi Ryu. Nesta época, Kiyonaga Sensei e meu pai fizeram uma demonstração de Kobudo durante o festival de verão no Templo de Usa. Em dezembro do ano Showa 33 (1958) um torneio foi organizado para comemorar o retorno do Akashi Bokuto, o legado de Musashi que Aoki-Sensei deixou aos cuidados de seu discípulo em Taiwan quando [tropas japonesas] partiram depois da derrota na guerra. Na competição foi tirada uma foto. Eu estava lá também”



Hyoho Niten Ichi Ryu e Sekiguchi Ryu Iaijutsu



Quando Aoki Sensei era Soke, o Hyoho Niten Ichi Ryu era praticado em Kumamoto, assim como foi desde a época do clã Hosokawa.

Os discípulos do mestre Aoki em Usa seguiram fidedignamente suas instruções: “Aqueles que praticarem este estilo, estudem o Sekiguchi Ryu Iai também!”

Quando ensinando o Sekigushi Ryu Iai para crianças que treinavam Kendo, eles também faziam Tameshigiri (teste de corte com a espada). O grupo de Usa fez demonstrações de Hyoho Niten Ichi Ryu e Sekiguchi Ryu em torneios juvenis de kendo locais, e a partir de então, os jovens Kenshi tiveram fortes laços com o Kobujutsu.
Ishii-san foi um destes jovens que começou a praticar na escola elementar. Ele teve Gosho-Hanshi como sensei durante a escola primária, conforme nos conta: “Sensei não nos dava uma réplica de espada, mas uma de suas próprias katanas que ele havia encurtado. O Sekiguchi Ryu é um estiço que se move a partir de um poto estático, com cortes feitos durante saltos. Se você começa a praticar depois de adulto, a falta de treino torna isto difícil e desestabiliza os movimentos, enquanto nós, crianças, conseguíamos assimilar os movimentos com o corpo, da forma que o Sensei nos instruía durante as práticas. Sempre que Gosho-sensei era transferido para uma nova escola, o clube de Kendo lá tornava-se forte; mas, independentemente de escola ou clube, ele sempre fazia os alunos praticarem iai. Com o Sensei Iai da Federação Japonesa de Kendo se difundindo, este era praticado até que os alunos alcançassem 2º dan, a partir de quando começavam a aprender o Sekiguchi Ryu Iai. Muitos jovens de Usa participaram destas aulas. Nós sempre ficávamos impressionados quando víamos eles. Mas quando terminavam o colegial a maioria se mudava para longe de Usa para faculdade ou para iniciar sua vida profissional. Este foi meu caso também”.

No ano Showa 42 (1967), o ?Seishin Chokudo no Hi?, um monumento para a sucessão das gerações do Niten Ichi Ryu foi erigido no templo de Usa. Mestre Aoki passou sua posição de Soke para Kiyonaga, e Gosho-Hanshi tornou-se Shihan (mestre responsável pelo ensino das técnicas) da nona geração. Porém, pouco antes de se aposentar, Kiyonaga faleceu subitamente devido a uma doença. Gosho Hanshi estava em seu limite, ocupado sendo professor de ZNKR Iai e Kendo, ao mesmo tempo que ensinando Sekiguchi Ryu e Niten ichi Ryu para as crianças de Usa. Imai Masayuki, um discípulo de Usa, tornou-se 10º Soke; a 15ª geração do Sekiguchi Ryu foi confiada a Yonehara Kameo-san de Kumamoto.

Os deveres de Soke subitamente atribuídos; preservando as antigas tradições nos dias de hoje



No final do período Showa (1990), depois de algum tempo longe de Usa, ambos retornaram para sua cidade natal.
Ishii San começou a ir ao dojo de Gosho-Hanshi na pré-escola Nagisa. Após algum tempo, quando as crianças começaram a ir treinar no clube, Yoshimochi-san começou a supervisionar o treinamento. O Iai, como sempre, era também observado por Gosho Hanshi, que ensinava os alunos um a um. A agenda dos treinos era determinada de acordo com a conveniência dos alunos. Às vezes tinham duas ou três práticas em um mesmo dia. Assim como na infância, Yoshimochi-san e Ishii-san continuaram fazendo demonstrações nos festivais de ano novo e verão no templo de Usa.

Durante o tempo em que os dois estiveram longe de Usa, Gosho-Hanshi esteve preocupada que o kendo por sí estivesse progredindo, mas que houvesse falta de interesse [nas técnicas e no espírito do] Kobudo. Ele escreveu em suas anotações: “Ciente da imperfeição de meu próprio treinamento, registro aqui o Niten Ichi Ryu”. Na época em que os dois retornaram ao treinamento, ele havia completado o livreto intitulado “Explanações sobre o Sekiguchi Tyu Iaijutsu”.

“Quando havia gente muito entusiasmada em aprender Sekiguchi Ryu e Niten Ichi Ryu, meu pai me fazia ir com ele e ser parceiro de treino deles. Quanto às técnicas ensinadas em minha infância, meu pai transmitia apenas através de pequenas explicações e movimentos com a boca. Como minha agenda era incompatível com a de Ishii-san, nós normalmente treinávamos separadamente. Como ele treinava bastante ZenKenRen Iai, ele tornou-se o representante 5º dan no torneio nacional de iaido em Heisei 3 (1991).”
Na primeira tentativa, Ishii-san conseguiu terceiro lugar; no ano seguinte ficou em segundo no torneio de Tóquio. Depois de receber o 6º dan no ano seguinte ele competiu por 3 anos em diversos lugares do Japão e entrou no 3º torneio em Kumamoto, onde venceu o segundo lugar. Notando a performance do jovem praticante de Sekiguchi Ryu, muitos Hanshi mais velhos diziam a Gosho-Hanshi: “Você está formando um bom discípulos”.

Nesta época Yoshimochi-san e Ishii-san começaram a praticar Niten Ichi Ryu juntos. “Eu sempre observei as técnicas do Niten Ichi Ryu e participei de algumas sessões de treinamento. Depois do torneio de Kumamoto eu adoeci e não competi; porém em Heisei 12 (2000) tornei-me 7º dan, e naquele ano Oita sediou o Torneio Japonês. Onde meu colega e colega do Sekiguchi Ryu, Kubo Junnichi venceu em primeiro lugar. Eu acho que desde então, técnicas de espada baseadas em combate real, como o Sekiguchi Ryu – com seu Kesagiri (corte diagonal) de uma posição ajoelhada e Tobichigai (movimento de pés com salto), onde você corta usando o corpo e os quadris – estão ganhando mais atenção.”

Em Heisei 15 (2003), quando a exibição pela NHK do drama “Miyamoto Musashi” estava inspirando um “boom” de Musashi, o Soke da décima geração do Niten Ichi Ryu anunciou a sucessão da 11ª geração. Três pessoas foram escolhidas: Kiyonaga Fumiya, filho de Kiyonaga Soke da 9ª geração; Iwami Toshio, discípulo direto do 10º Soke e o discípulo de Taiwan do mestre Aoki.

“A sucessão da 11ª geração não tinha nada a ver comigo, então apenas continuei praticando junto com Ishii-san. Era suficiente para nós dar continuidade ao Niten Ichi Ryu e Sekiguchi Ryu como praticados em Usa, com o objetivo de dar seguimento aos ensinamentos de meu pai, como sempre. Porém Kiyonaga Fumiya, para quem o legado foi transmitido, faleceu repentinamente devido a uma doença, da mesma maneira que seu pai. Quando nós menos esperávamos, um discípulo direto de Kiyonaga em Nakatsu e seu discípulo no Brasil pediram para visitar Gosho Sensei. Isto foi, mesmo para mim, uma grande surpresa".
A federação de Kendo da cidade de usa estava preocupada com o futuro do Kobudo do Niten Ichi Ryu e do Sekiguchi Ryu. A federação solicitou à esposa do falecido 9º Soke Kiyonaga e com os discípulos do 10º Soke Imai e de Kiyonaga Soke da 11ª geração. Yoashimochi-san foi escolhido, por solicitação da Federação de Kendo de Usa, em abril deste ano, como “Legítimo sucessor da 12ª geração do Hyoho Niten Ichi Ryu” (Hyoho Niten Ichi Ryu Seito daí Junidai).

Yoashimochi Sensei diz: “Da mesma forma que fizemos até agora, demonstro em Embus com Ishii-san, ensino e não perco uma só aula. Apenas continuo ensinando Kobudo em Usa, como meu pai”.

Pouco tempo atrás, em um domingo de julho, aconteceu um seminário de Kendo e Iaido organizado pela Federação de Kendo de Usa. À tarde, Yoshimochi-san e Ishii-san ensinaram Kendo Kata e Sekiguchi Ryu para iniciantes e Yudansha (que possuem dan). No grupo de Yoshimochi , entre os adultos, havia, três estudantes ginasiais. Quando a classe terminou, os únicos com energia suficiente para fazer nukitsuke e vigorosamente gritar “IYEI!” eram estes três. Alguns no grupo dos veteranos comentaram que estavam precisando de mais treino. Com um sorriso, Ishii-san mostrou suas técnicas. Aquela foi uma aula harmoniosa.

Yoshichi Sensei e Ishii Sensei em frente à pedra da sucessão (Seishin Chokudo no Hi)

Notas dos tradutores

1 – O Kyoto Taikai é um dos mais importantes treinamentos no Japão, onde os mais graduados mestres de Kendo competem
2- Hanshi é o mais alto Shogo (título) dado a mestres de Kendo e Iaido.
3- Nito Seiho é o conjunto de técnicas com duas espadas do Niten Ichi Ryu. É composto por 5 katas descritos no Livro dos Cinco Anéis (Gorin No Sho)
4 – O templo de Usa, localizado na prefeitura de Oita, foi contruido no século 7 e é famoso por ser o principal tempo do deus shinto da guerra, Hachiman



topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-8h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h