Ir para o Conteúdo
imgcentral

Mural

Murais das unidades e posts de alunos


Cuidando de Pérolas - Família Pierin

por Niten - blog - 06-fev-2017




Pierin é Coordenador na Unidade FLorianópolis do Instituto Niten
Seu filho Massaru o acompanha no dojo, desde pequeno, até que chegou o dia de colocar o treino em prática pela primeira vez.
Desde então, pai e filho são companheiros de treino também.
Companheirismo que fortalece os laços e dá ânimo para enfrentarem as batalhas, Juntos!




Relato Pierin, Pai, treinando há mais de 7 anos no Niten:
"Iniciei meus treinamentos no Niten quando meu filho tinha por volta dos 2 anos e meio. Ele ainda pequeno me acompanhava e gostava muito de toda a novidade. Porém quando eu saia para treinar ele pedia pra eu ficar brincando com ele, as vezes fazia uma birra e tal. Certa vez ele parou em frente a porta e não deixou eu sair. Então me abaixei e disse a ele que estava indo para ficar mais forte. Não sei porque, mas ele na hora saiu da frente e desde então não teve mais nenhuma atitude dele em relação a eu não ir treinar.

Passaram-se alguns anos e, eu e mãe dele nos separamos, foi um momento difícil e muito delicado. Eu acabei absorvendo mais os cuidados com ele, pedi para ficar mais tempo com ele durante a semana e aos finais de semana ela ficava com ele. Então, me dediquei a preparar a comida, montei meu trabalho em casa e um rotina bem puxada. Nesse periodo ele já estava com quase 5 anos, e eu estava ajudado na coordenação do Niten em Florianópolis, então ele começou a ir aos treinos e participar livremente, como podia. E ele se divertia muito, conhecia todos os alunos e deste esta época ele treina, sabe o nome de todos e sempre quando falta alguém ele me pergunta se se o aluno esta bem. Ainda assim só matriculei ele quando ele fez 6 para 7 anos, não havia KIR jovem, foi um momento de muitas tarefas de escola, trabalho e treino, mas nos fortalecemos.

Hoje temos o Kir Jovem em Florianópolis, todos os alunos amigos de meu filho. Há um ano atrás viajamos para um treino em Santos, onde ele de Bogu treinou durante 2h a 3h direto, com um intervalo pra água, eu me afastei dele nesse momento do treino, pois pensei que ele não conseguiria...mas conseguiu e foi transformador, para ele e para mim.

Desenvolvi mais confiança nele e em seguir nos treinos. Ele esta ficando forte!
Treinar juntos é um presente, é dar significado a todas as dificuldades que enfrentamos. Temos um sentimento unificador entre nós, que é reforçado durante os treinos e quando encontramos o Sensei e sua família. Sinto que para meu filho estar no Niten é algo natural, ele se sente feliz, as tristezas deixam o olhar e uma alegria e confiança interior crescem. Arigatougoimashita Sensei por trazer a nós essa nova oportunidade de crescer."






Relato Massaru, 9 anos, mais de 3 anos treinando firme no Niten:
Quando estou treinando e lutando com meu pai, parece que é pra valer...sinto que estou em um campo, bem grande, e lutamos somente nós dois. Isso é bom, porque a gente se entende pelo olhar, mesmo fora do Dojo, a gente consegue se entender melhor no dia a dia.

E quando estou na escola e preciso prestar a atenção, lembro dos treinos e consigo ficar focado no que preciso.

Eu sinto que o Niten fez a gente ficar mais ligado um no outro. Os treinos ajudam a ficar com o espirito acordado.



Tags: Familia,


Retornar para últimas postagens


    topo

    (+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-8h
    (+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h