Ir para o Conteúdo

Mural Niten Gaúcho


Coragem - Palavras de um Gashuku

por Vídeos - 26-jul-2016



Tags: Gashuku, Egan2016_Ago,

Dias de Treinamento

por Niten - 21-jul-2016


(...)


Continua (post completo)

Controlando as emoções

por Vídeos - 20-jul-2016


Dierk é executivo em uma multinacional em São Paulo.

Tags: Egan2016_Ago,

SHINHAGAKURE NO TATAME

por Niten - 04-jul-2016



Max Trombini comenta a importância do livro Shinhagakure do Sensei Jorge Kishikawa.
Max Trombini é referência em superação, luta e determinação, treinou seleções olímpicas em diversos países, levou atletas para o UFC através do seu treinamento, formou campeões mundiais de jiu-jitsu.
• 3º Dan (grau) de judô;
• 4º Dan de jiu-jitsu;
• Diretor executivo do Centro de Excelência da Associação de Judô de Bastos (SP).
• Autor do livro "Aprendiz de Samurai" que deu origem ao Filme "A Grande Vitória" em 2014
SHINHAGAKURE: niten.org.br/shinhagakure

Tags: Egan2016_Ago,

Niten no revezamento da Tocha Olímpica.

por - 27-jun-2016







Veterano de Kenjutsu, arte da espada inspirada nas técnicas de luta dos samurais, conduz a Tocha Olímpica Rio 2016 em Campo Grande




Wenzel Böhm conduz a Tocha Olímpica em Campo Grande

Divulgação/Cobertura Oficial do
Revezamento da Tocha Olímpica
Campo Grande – Duas tradições milenares unidas pelas mãos de um condutor. Nascido na Áustria e criado no Brasil, Wenzel Böhm é Sempai (veterano) de Kenjutsu, arte da espada inspirada nas técnicas de luta dos samurais que protegeram o Japão por anos. Foi ele, convidado pela Nissan, o responsável por levar a chama olímpica pelas ruas de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, neste sábado.

"A Nissan é uma empresa japonesa e fiquei muito honrado de poder representar a filosofia Kenjutsu no Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016. Eu me sinto pequeno diante de tantas histórias que são contadas nesse trajeto, mas é um reconhecimento muito importante. Quando as coisas têm tanta tradição assim, elas carregam muita energia".

Durante o percurso, uma prova da admiração que Wenzel carrega pelo Brasil: alguns de seus alunos, vestidos com o "hakama", calça usada nas lutas, acompanharam cada passo do "Sempai", tirando muitas fotos. Braço direito de Jorge Kishikawa, precursor do Kenjutsu no Brasil e fundador do Instituto Niten, Wenzel começou a treinar há 20 anos e em pouco tempo já se tornou professor, passando a viajar por todo país difundindo a filosofia japonesa.

"A Tocha Olímpica carrega vários valores que nós também acreditamos e trabalhamos muito, como coragem, energia, vontade de ir além. Se você vê um samurai, você enxerga nele uma energia, uma entrega diferente, ele vive intensamente. Vejo que com os condutores da tocha olímpica também tem muito disso".

Hoje o Instituto Cultural Niten está em 16 estados, em todas as regiões do Brasil, e também na Argentina, Chile, Uruguai e México.


(...)


Continua (post completo)

Tags: Egan2016_Ago,
comentários   1 de 1

Maurício Borges - Belém (PA)Konnichiwa Senpai Wenzel e demais Samurais do Niten, Yoroshiku Onegai Shimassu.
Shitsurei Shimassu.
Parabéns Senpai Wenzel, por mais este feito. que é único e mundialmente comemorado.
A escolha não poderia ter sido melhor.
Fiquei muito contente, pelo (Continua)

Caxias do Sul no Gashuku Kokushikan

por Mendes-Cax - 24-jun-2016

Zen In!

Final de semana intenso no Gashuku Kokushikan!!


" Arigatou gozaimashita Sensei, por nos ter dado a oportunidade de renovar nosso espírito e nossa energia para as batalhas diárias que virão. Acredito, então, que agora é hora de voltar à guerra, como está escrito no kakejiku em nossa unidade, "vencer a si mesmo e voltar às obrigações".
  Padilha

"Fiquei muito feliz de ajudar os alunos mais novos no Caminho. No meu primeiro gashuku lembro que o Sensei disse: "Todo mundo quer ser descoberto, mas ninguém quer descobrir o próximo". Demorei três anos para entender isso, três anos de Caminho e treinamento intensivo para ver que precisamos pensar no próximo e não ser egoísta. Tanto batendo men , men, men quanto organizando o café da manhã."  Gabrielle


Dojo de Caxias do Sul em participação recorde no Gashuku!

Até o próximo Gashuku!


Arigatou Gozaimashita
Mendes

comentários   3 de 3

Juliana - Caxias do SulArigatou gozaimashita ao Sensei por possibilitar tamanha interação com todos os irmãos de espada do Brasil e América Latina. Arigatou gozaimashita a todos pelo convívio. Esse Gashuku certamente possibilitou enorme crescimento técnico e espiritual a todos (Continua)

Matsuda - Caxias do SulYoroshiku Onegai Shimasu
Shitsurei Shimasu

Além de mais uma oportunidade de convívio com os irmãos de espada do Niten, esse Gashuku foi memorável pela supervisão do Sensei e suas correções precisas enquanto repetíamos à exaustão as técnicas de Iaijuts (Continua)

Gabrielle - Caxias do SulKonnitiwa,
Shitsurei shimasu,

Esse gashuku foi muito especial por todos os momentos intensos vividos com os irmãos de espada!

Arigato gozaimashita,
Sayounara,
Gabrielle (Continua)

O Corte Perfeito

por Brenda-Adm - 20-jun-2016

Tags: Egan2016_Ago,

Vencer o Frio

por Luciana - 13-jun-2016



Narabê à - 1ºC

Antes de tudo, domo arigato gozaimashitá Sensei pelo grande ensinamento.
"As mulheres são melhores que os homens"

Quando eu era militar e fui servir em um pelotão de fronteira, eu era a única mulher dentre 81 homens. Sempre ouvia a seguinte frase: “militar é militar, aqui não existe esse negócio de homem ou mulher!" Porém eram as mulheres que tinham as melhores colocações nos testes de tiro. Claro que levei a diante essa frase para continuar em frente, diante de tantas missões e dificuldades.
Após conhecer o Niten ouvi em um Momento de Ouro a frase: “As mulheres são melhores que os homens”. No Shinhagakure, o Sensei explica o porquê. Vi com mais clareza no que somos melhores e como superamos a diferença da força e do tamanho. “Melhor postura” e “Menos vícios” e “Melhor pegada na espada”, assim uma desvantagem em um golpe se torna vantagem noutro e com esse ensinamento fiz o treino de hoje. Momento de Ouro relembrado no início do treino, pois só havia mulher.
Nessa quarta na cidade de Ponta Grossa tivemos temperaturas negativas, o treino foi firme! Chegamos no dojo, Silvia e eu, colocamos nossos kimonos, limpamos o dojo montamos os equipamentos e seguimos. Fizemos um aquecimento bem puxado pois estava frio demais acredito que por volta de 0ºC, treinamos firme o Dai Ni Kihon, e na hora do bogu já estávamos com menos frio, tremendo ainda, fizemos piloto do kyu com bastante kiai, kiai de estremecer o dojo, apareceram alguns curiosos para ver o que estava acontecendo lá, continuamos e, sem parar, fomos direto para o keiko,
-Mas já?!
E lá foi o primeiro men.
-Hai
O keiko bem puxado, com golpes limpos e bem definidos, o bom de estar com energia é estar com vontade de gastá-la, parávamos apenas para trocar de armas, o kiai não baixava, uma querendo dar o melhor golpe melhor que a outra, o kiai mais alto que a outra, ter a melhor postura que a outra, ser mais agressiva que a outra. Estava empolgada com o trecho do Shinhagakure, o keiko estava tão agressivo e tão bom que quase perdemos a hora do fim do treino. Ainda bem que temos a vantagem de não sentir tanta dor quanto os homens, amanhã estarei toda dolorida, mas acumulando energia para gastar no próximo treino, dessa vez com todos do Niten Ponta Grossa, e nós mulheres que treinamos hoje, estaremos mais fortes no kiai e na luta!.

Arigato Gozaimashitá
Sayounará




Silvia e Luciana da unidade Ponta Grossa 





Em São Paulo - Narabê à 5ºC




Alunos Vencendo o Frio

Tags: Egan2016_Ago,
comentários   1 de 1

Guilherme Caran - VitóriaShitsurei shimasu,
Konbawa,

Estive recentemente em Ponta Grossa e posso afirmar que encarar essas temperaturas não é tarefa fácil.
Omedetou gozaimasu e ganbatte kudasai!

Sayonara,
Caran (Continua)

GASHUKU COM SEMPAI DANILO II

por Alessandro - 07-jun-2016

"Na volta à Caxias, pensei: bah, amanhã eu vou estar realmente morto, não sei nem se vou ouvir o despertador. O que me surpreendeu foi que acordei antes do despertador e tão energizado e descansado, como se tivesse dormido 8 horas e não tivesse feito nada de mais no dia anterior, me sentindo muito mais vivo do que quando acordei sábado. E apesar de mais um treino puxado, passei o resto do domingo com um sentimento que não tinha a muito tempo: o de ter realmente aproveitado o final de semana.
Arigato gozaimashita Senpai Danilo pelas experiencias e a todos os organizadores deste Gashuku!"


Stela - Caxias do Sul


20160520224133-62d0c80e-me.jpg (792×526)

 
"Aprender. Treinar e treinar e treinar, com a acolhida em Caxias do Sul transformando um dia frio e chuvoso em momento propicio para reflexão . Aprender novo kata e vivenciar o Caminho com os irmãos de espada e os Katas do Bushidô em um final de semana cheio de energia foi mais que especial."

Mára - Porto Alegre

 


 
"Esse gashuku foi o que consegui viver com mais intensidade.
A minha memória desse Gashuku é o KI. Tudo foi muito intenso e eu me senti motivado a dar todo meu esforço e intensidade em todas as etapas. A energia foi tremendamente alta e senti uma grande alegria ao treinar com tanta dedicação com todos os companheiros de caminho que reencontrei nos dois dias.
A vontade de limpar o espírito e motivar os companheiros que treinaram comigo (arigatou gozaimashita a todos) era muito maior que o cansaço e não parava de aumentar."


Petersen-Porto Alegre

 




 
"Esse gashuku me trouxe um grande sentimento de alegria, desde o seu início ao ver o dojo lotado de colegas e sentindo a energia de todos buscando dar o melhor de si. Mas o melhor para mim foram os momentos de confraternização após os treinos, pois neles o Senpai Danilo pode nos relatar sobre como é a convivência mais próxima ao Sensei. Esses foram verdadeiros Momentos de Ouro, onde pude enxergar um pouco melhor o que é o verdadeiro Bushido."


Almeida - Porto Alegre




GASHUKU COM SEMPAI DANILO I

por Alessandro - 18-mai-2016

  


"A energia no Dojo neste dia esteve mais intensa, os companheiros de espada buscando o aperfeiçoamento, lutando como eu com as dificuldades tanto técnicas, físicas e psicológicas, mas ao final notei uma alegria que nos leva a pensar que a superação nos conforta e alegra, pois estamos com diz o gaúcho Peleando (luta), não passíveis sem ação diante dos problemas. 
Confesso que comentei ao início que estava preocupado, inclusive não tinha dormido bem aquela noite, mas como num passe de mágica com o começo do treino houve uma mudança e mesmo no cansaço do final do dia me senti mais em paz. Maracci - Porto Alegre"


"Intensidade no dojo"

"Se fosse pra comentar puramente sobre a parte técnica, eu teria que escrever um relato de uns 10 parágrafos e ainda assim ia ter só arranhado por cima tudo que foi passado pelo Senpai Danilo. Seja no Kenjutsu combate, nos Katas do Niten Ichi Ryu, no Iaijutsu se a pessoa piscasse teria perdido algum detalhe essencial, se não chegou em casa e escreveu tudo que o Senpai lhe passou, tem que correr pra fazer já, caso contrário vai  ter uma perda irreparável porque cada correção, cada demonstração valeu ouro...



"Sem piscar nos detalhes"

Mas se eu puder humildemente dizer o que me marcou mais foi a sensação de superação e o sentimento de gratidão que eu tive ao sair desse Gashuku. Foi pelo Senpai Danilo, tão atencioso, tão sereno e sério, passando correções, demonstrações, realmente polindo a técnica e o espírito de todos os que foram ao Gashuku. Cada vez que o Senpai Danilo veio me corrigir em algo, a minha vontade de continuar aumentava, e eu via isso acontecendo com os outros participantes. Juliana - Caxias do Sul "


"Sentimento de paz e gratidão"




Arigato gozaimashita Sempai Danilo!

 

Últimas postagens:


topo

Instituto Niten Rio Grande do Sul
POA: (051) 99897-6667 / (051) 98172-2815
GRAVATAÍ: (51) 99313-5251 / (51) 98172-2815
CAXIAS: (054) 99927-6770 / (054) 98402-0540 / (054) 98118-6453
N. HAMBURGO: (051) 99808-6913