Ir para o Conteúdo
imgcentral

12º TBIK - São Paulo 2014

Torneio Brasileiro Individual de Kobudo 05 Abril de 2014 - Informações para os Participantes


Palavras dos Alunos

"Vencer a preguiça que amarra nosso espírito e tomar a iniciativa para obtermos mais controle sobre as nossas próprias vidas. Esse é um ganho que nunca encontrei em nenhum outro lugar além do Dojo. Ou, como o Sensei disse, atravessar o Rubicão para “mudar Roma”.
Mesmo com o treino semanal, constante, fica fácil cair na armadilha da rotina, ou da mera “operação” como disse o mestre da peixaria. Ir ao Torneio para mim é sempre então “trabalho” verdadeiro, algo que desloca nosso espírito para frente. O frio na barriga, a noite mal dormida, a expectativa de superar as falhas cometidas na última batalha é tudo prova de que estou lá para valer. É meu espírito, minha seriedade, meu comprometimento e treinamento que é posto em jogo. Entendido isso, o Torneio ganha uma nova dimensão.
Tive algumas surpresas que me passaram enorme aprendizado, especialmente nos duelos de Jo e Iai.
No Jo, onde estava mais confiante, fui derrotado logo no primeiro combate; mas a queda não foi infrutífera. O Sensei nos aponta nosso erro, e volto feliz sabendo que conquistei algo ali.
No Iai, onde estava menos confiante, pude disputar a final pela primeira vez contra um oponente habilidoso. Aqui, o erro nunca antes cometido no dojo aconteceu, e fui derrotado. Mais um aprendizado.
Nesse Torneio me aconteceu algo diferente dessa vez, algo que nunca tinha acontecido antes. Tive a oportunidade de arbitrar seis categorias diferentes, do Iai e do Jo.
É sempre tenso e complexo, mas muito gratificante. Mas o que veio depois foi o que me marcou. Talvez por passar tanto tempo sentado na cadeira, concentrado em cada movimento que os competidores faziam, que, ao final, chamado em seguida a competir na minha categoria de Iai, me senti com o olhar e o espírito muito mais afiado do que o normal, sem me distrair com coisas que aconteciam ao redor.
Essa foi a primeira novidade! A segunda, com certeza, foi a oportunidade de usar o Jo em combate real com bogu. Eu, como apaixonado do Jo, fiquei impressionado com a versatilidade real, que, honestamente, não esperava que ele fosse ter em combate acelerado contra uma shinai.
Pude aplicar, com que grau de sucesso não sei, várias das técnicas que treinei em kihon e kata. Foi verdadeiramente emocionante Sensei! É realmente muito gratificante dar vida a estas técnicas que estavam de certo modo “adormecidas” por séculos.
Meus sinceros parabéns ao Ivan, o Terrível, que está ajudando a desenvolver a arma, junto com todos os outros que estão a aperfeiçoa-la. Tenho certeza que é só questão de tempo para que seja oficial!
Por fim, domo arigato gozaimashita Sensei pela preocupação de sempre em como está sendo tudo conduzido aqui na nossa Unidade, nos deixando ensinamentos valiosíssimos de como notar, sentir, compreender e ajudar o próximo.
Gambate a todos! Aarigato gozaimashita
Shitsurei shimasu
"
Rocco- Coordenador do Niten em Curitiba


"Cada evento uma surpresa! Ou várias surpresas!
Deixando nossa zona de conforto, nossa casa e enfrentando nossos medos e incertezas, com frio na barriga e mãos suadas.
Isso significa CORAGEM! Muita coragem, sem a qual não se vai a lugar nenhum.
Seja nos treinos, seja no nosso cotidiano de um modo geral.
Muitos combates memoráveis, os “Mozarts”, a nova forma de pontuação para a premiação, o “três contra um”, inédito! E inédito também como o 1 eliminou os 3!
Rápido e com elegância. Omedetou Sempai Gilberto!
Acabou no sabado? Não. No domingo, mais aprendizado e surpresas.

Shiais em duas quadras com lutas SIMULTÂNEAS! Com seus respectivos árbitros e Sensei no centro, estrategicamente posicionado.
A cada apito era um detalhe, que poderia ocorrer em qualquer uma das Quadras. Interrompida a luta, o Sensei nos mostrava claramente os pontos a serem observados e corrigidos.
Saber como Sensei faz isso, percebendo detalhes em duas quadras? Só participando!

Depois fizemos um intenso e magnífico combate de confraternização, quando pudemos apreender e assimilar detalhes e posturas dos demais companheiros.
Tivemos também o combate da Categoria Senhor, bastante intenso também, admirável e muito proveitoso, gerando expectativa e suspense.
Me foi permitido usar a Naginata pela primeira vez, ainda com noções muito básicas.
Foi uma excelente experiência, mesmo tendo sido pouquíssimo tempo(quebrou a ponta e o combate continuou com Nito).
Grande aprendizado!
Arigatou gozaimashita Sempai Numa. Foi uma honra para mim!
Meu espírito saiu mais fortalecido! Fiz o que tinha que fazer e recebi o que mereci.

Domo arigatou gozaimashita Sensei, inclusive pelas orientações recebidas!
E também a todos os companheiros e Sempais, pela energia compartilhada."

Impieri - Aluno do Niten Rio de Janeiro

Confira abaixo os resultados do Torneio:

Yoyonen (7 a 10 anos)
1º - Kevin (SP)
2º - Nathan (SP)
3º - Takemitsu (SP)
3º - Tiago (SP)



Infanto Juvenil (11 a 14 anos)
1º - Yoshimitsu (SP)
2º - Neves (SP)
3º - Julia (SP)






Jitte
1º - Holschuh / Danilo (Campinas)
2º - Cortes (Rio) / Ivan (Juiz de Fora)
3º - Massao (SP) / Marques (SP)
3º - Silva (SP) / Gilberto (SP)


Kusarigama
1º - Massao / Marques (SP)
2º - Holschuh / Danilo (Campinas)
3º - Alessandro (POA) / Cortes (Rio)



Iaijutsu 0º Kyu
1º - Toshi (SP)
2º - Numa (Uberlândia)
3º - Delfino (SP)
3º - Navarro (Uberlândia)
Mérito - Erich (Porto Alegre)


Iaijutsu 7º Kyu
1º - Jeferson (Sorocaba)
2º - Tatiane (Sorocaba)
3º - Ivan (Juiz de Fora)
3º - Adriano (Curitiba)
Mérito - Bergamini (Porto Alegre)







Iaijutsu 6º Kyu
1º - Regis (São José dos Campos)
2º - Hideo (SP)
3º - Massao (SP)
3º - Heitor (Guarulhos)
Honra ao Mérito - Kuhn (Brasília)



Iajutsu 5º Kyu acima
1º - Holschuh (Americana)
2º - Rocco (Curitiba)
3º - Vaz (Rio)
3º - Pacheco (SP)





Jojutsu 6º Kyu
1º - Massao (SP) / Toshi (SP)
2º - Brenda (SP) / Hideo (SP)
3º - Silva (SP) / Tengan (SP)
3º - Vaz (Rio) / Pinheiro (Rio)

Jojutsu 5º Kyu acima
1º - Holschuh /Danilo (Campinas)
2º - Toshi (SP) / Massao (SP)
3º - Alessandro (POA) / Marques (SP)
3º - Ivan (JF) / Cortes (Rio)

Jojutsu 0 e 7º Kyu
1º - Brenda (SP) / Hideo (SP)
2º - Marcia (SP) / Pacheco (SP)
3º - Todesco / Alexandre (Sorocaba)
3º - Muzell (POA) / Impieri (Rio)



Kenjutsu Feminino 0º e 7º Kyu
1º - Gabriela (Guarulhos)
2º - Mara (Porto Alegre)
3º - Cristiane (SP)
3º - Fumie (Porto Alegre)



Kenjutsu Feminino 6º Kyu
1º - Silvia (SP)
2º - Mariana (Santos)
3º - Gabriela (Guarulhos)
3º - Marcia (SP)



Kenjutsu Feminino 5º Kyu acima
1º - Ana Lucia (SP)
2º - Núria (SP)
3º - Silvia (SP)
3º - Ana Tomita (SP)






Kenjutsu sem Bogu
1º - Franco (SP)
2º - Hideo (SP)
3º - Tatiane (Sorocaba)
3º - Dalabria (Santo André)


Kenjutsu Senior (acima 45 anos)
1º - Numa (Uberlândia)
2º - Impieri (Rio)





Kenjutsu Masculino 0º Kyu
1º - Vargas (Ribeirão Preto)
2º - Bregagnolo (Ribeirão Preto)
3º - Heitor (Guarulhos)
3º - Massini (Ribeirão Preto)

Kenjutsu Masculino 7º Kyu
1º - Vargas (Ribeirão Preto)
2º - Luis (Uberlândia)
3º - Oliveira (Florianópolis)
3º - Neves (SP)

Kenjutsu Masculino 6º Kyu
1º - Eduardo Martins (SP)
2º - Augusto (SP)
3º - Yamamoto (Sorocaba)
3º - Franzin (SP)

Kenjutsu Masculino 5º Kyu
1º - Ivan (Juiz de Fora)
2º - Duran (Rio)
3º - Mantovani (Porto Alegre)
3º - Fabio (Sorocaba)





Kenjutsu Masculino 4º Kyu
1º - Ivan (Juiz de Fora)
2º - Adriano (Curitiba)
3º - Weber (Santo André)
3º - Venturelli (SP)

Kenjutsu Masculino 3º Kyu acima
1º - Gilberto (SP)
2º - Silva (SP)
3º - Adeval (SP)
3º - Massao (SP)


topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-8h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h