Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei


Últimas postagens:

06-abr-2016

Kenjutsu combate: Lago x Fogo

Lançar uma ofensiva, sem ter a noção da distância exata em que o inimigo se encontra, é perigoso, se não fatal.
No Kenjutsu combate, uma das formas de visualizar esta distância, é tocando a ponta da espada do oponente, com a ponta da sua, desde que ele o permita, obviamente. Esta é uma situação básica de luta, onde todo iniciante começa, ao aprender as técnicas da espada.
Se transpormos esta situação para o campo de batalha, seria como se ambos os exércitos se encontrassem em campo aberto. Trata-se de uma situação forçada, irreal, pois ambos os oponentes estão com a espada voltada um para o outro. Esta situação praticamente inexiste nos katas antigos, provando o quanto ela é artificial.
Impedir que o inimigo perceba a distância, isto sim, é o que deve buscar o verdadeiro estrategista. No Kenjutsu combate, logo o praticante perceberá que são inúmeras as combinações de se dispor um exército e tomar vantagem em relação à distância. As formas do Mar, da Terra, do Fogo, dos Flancos, do Vazio, e outras.
Aquele que treina para ser um estrategista, não deve perder seu tempo, treinando em situações irreais.

Abaixo, uma situação em que o ataque parte da posição do Fogo (à direita), contra a posição do Lago.






 Kenjutsu combate : Lago x Fogo

04-abr-2016

Shin Hagakure: Discurso do Sensei no Pré-Lançamento



Parte 1 do Discurso do Sensei Jorge Kishikawa no pré-lançamento do Livro Shinhagakure





Parte 2 do Discurso do Sensei Jorge Kishikawa no pré-lançamento do Livro Shinhagakure




Clique nas Imagens para Ampliar












Tags: ShinHagakure,
31-mar-2016

A Estratégia da Andorinha

As andorinhas, além de predadoras, são conhecidas por terem asas longas e pontiagudas. Como espadas.
Seus movimentos são velozes, o que torna muito difícil capturá-las. 
Na Estratégia e na guerra, temos que ser como andorinhas. Chegar e partir num piscar de olhos, num vai e vem rápido e preciso.
Reza a lenda que Sasaki Kojiro, um dos maiores adversários de Miyamoto Musashi era capaz de cortar andorinhas no ar. Por ser a sua tachi (espada maior) longa em relação à maioria, conseguia, num movimento de vai e vem, cortar as andorinhas que voassem próximo a ele.
Lenda ou não, a verdade é que no Niten treina-se uma técnica inspirada na andorinha, o corte da andorinha. Ela simula os movimentos das asas da andorinha, que em mãos habilidosas, são o caminho para a vitória.
Seja rápido ao cortar, e suma ao partir. 




¨Kishikawa Ryu Iaijutsu - Tsubame kiri, a Estratégia da Andorinha¨

30-mar-2016

Hasso: ataque por mar e terra

Comumente, em filmes e katas de espada samurai, assistimos à postura da espada elevada à altura do ombro direito, impondo uma posição ofensiva sobre o adversário. Denominamos de "hasso", ¨yin¨, ou "ki" (árvore) este kamae (postura) do kenjutsu combate.
Trata-se de uma posição muito adequada para se usar em golpes descendentes e acredite, ascendentes também. E isto, em Estratégia é fundamental. Não é possível vencer uma guerra somente atacando pela montanha. Temos que surpreender o inimigo atacando-o pelo mar!
Não podemos vencer, em tempos difíceis, somente por terra. Temos que buscar chances no mar também.

O combate que se segue é interessante pois a espada está, ao contrário do que se esperaria nesta postura do "hasso", do lado esquerdo. Observe como se faz o golpe ascendente com o "hasso no kamae". Se o oponente não estiver habituado, fácil dizer que seria derrotado.


28-mar-2016

Shin Hagakure: Vereador Aurélio Nomura - O Livro de Cabeceira



Vereador Aurélio Nomura no Pré-Lançamento do Livro Shinhagakure

Tags: ShinHagakure,
23-mar-2016

Shin Hagakure: Eu vi



Dr. Raul Takaki - Presidente do Jornal Nippak e Nikkey Shimbum no Pré-Lançamento do Shinhagakure

Tags: ShinHagakure,
21-mar-2016

Shin Hagakure: Sutras da Espada



Monja Coen comenta o Lançamento do livro Shinhagakure de Sensei Jorge Kishikawa

Mais sobre o Livro SHINHAGAKURE Clique Aqui

Tags: ShinHagakure,
17-mar-2016

Levar a esperança


"Levando esperança para a ACTC"


"O Hayabusa (Grupo de Jovens do Niten) fez uma visita na  ACTC (Associação de Assistência à Criança e ao Adolescente Cardíacos e aos Transplantados do Coração) em São Paulo no dia 29 de Fevereiro.
A Casa promove um belo trabalho ajudando famílias que vem de todo o Brasil buscando tratamento cardíaco para suas crianças.

Além de assistirem apresentações de Jojutsu e Iaijutsu, as crianças tiveram a oportunidade de pegar o Shinai (espada de bambu) e sentir o que é ser um Samurai! Foi um dia emocionante"
Felipe Paiva - Coordenador do Hayabusa


Em momentos como esse, onde o isolamento, o egoísmo e a violência imperam e são uma constante na mídia, eventos como este são importantes para resgatar o que, no mundo, está sendo perdido: a nobre virtude herdada dos samurais, a Compaixão.

E isto deve começar desde cedo, enquanto jovem, principalmente para aqueles que têm ascendência oriental, onde a ênfase na educação de seus filhos está em passar no vestibular, ser bem sucedido ou ser melhor que os outros.
Ao meu ver, esta busca desenfreada por competição e títulos nos distancia do mais nobre sentimento, a compaixão, e é por isto mesmo que o nosso grupo de jovens do Niten, o Hayabusa, tem levado, ao longo dos anos, a esperança para aqueles que mais precisam. Esses meus jovens já levaram o calor humano e a esperança a entidades como o Ikoi no Sono, Cruz Vermelha, Casa Hope e outras que aqui não caberia enumerar.
São atividades como essas que mostram aos jovens que a vida não se limita ao vazio de ter um diploma e ser melhor que os outros.
Não é promovendo a competição, mas sim a compaixão é que nos tornaremos completos
















Clique para Ampliar




Link para o Mural com a Materia completa e comentarios da
Coordenadora Pedagógica da ACTC


15-mar-2016

Shin Hagakure: Oportunidades para os tempos difíceis



Palavras do Desembargador Samuel Meira Brasil no Pré-Lançamento do Shin Hagakure

Tags: ShinHagakure,
14-mar-2016

Shin Hagakure: Exemplos para o Futuro



Dr. Mauricio Lemos Freire no Pré-Lançamento do livro Shinhagakure

Tags: ShinHagakure,



topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-8h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h