Ir para o Conteúdo
imgcentral

Café com o Sensei

Pensamentos e comentários do Sensei


Últimas postagens:

29-out-2007

Livro de Alterações

Existia no período Edo bem como existe no meio militar, um livro em que era anotado todo o histórico do guerreiro. 
Chama-se Livro de Alterações. 
Condecorações, promoções,  punições, Hikyo na Furumai ( 9 de março - Hikyo na Furumai ). Em suma, alterações... 
Era possível, assim, a um samurai saber se o enviado para desempenhar uma missão em seu feudo tinha bons antecedentes ou não, pois naquela época, todo cuidado era pouco. 
Lembro-me de que na época em que atuava como médico militar, recebi uma Homenagem por ter representado o Brasil em torneio mundial de kendo. Tive o apoio dos comandantes (aos quais sou grato até hoje), no retorno fui citado em boletins, elogiado perante o CMSE (Comando Militar do Sudeste) e, para minha surpresa, anotaram ate no Livro de Alterações! 
Não posso dizer que fui exemplar: uma punição por ter esquecido de fazer a barba. Outra por ter atrasado à formatura* ou o cabelo um pouco comprido e nada demais. 
Assim foi com os samurais, é com os militares e continua sendo no Niten. É um livro preto. O Livro... 
Por ser um livro acessível a todos, aconselho-o a colecionar mais Homenagens que punições durante a sua vida. 
Sorte minha que tenho pelo menos uma Homenagem!


*formatura = no meio militar existe a formatura, ocasião na qual todos os militares da organização ficam perfilados todos os dias, no início e no final do expediente. São passadas as ordens e alterações do dia.

26-out-2007

Kendo Nippon- ...Kendo na infância

Ainda no olho da matéria de ontem ( 25 de outubro - Incessantemente ) 

"Artes do samurai que foram transmitidas junto ao Kendo na infância. 
O Hyoho Niten Ichi Ryu e o Sekiguchi Ryu Iai. 
Ao retornar a terra natal Usa, os dois novamente seguem os passos de seu mestre, treinando fervorosamente e retransmitindo as técnicas antigas da arte samurai" 

Só para te dizer que dentro do Niten Ichi Ryu, temos uma diferenciação entre aqueles que já treinaram com o bogu* e shinai* daqueles que não. 
Aqueles que já treinaram, seja Kendo ou Kenjutsu, por algum tempo, assimilam um algo a mais. # ( 13 de junho - ### Kuden ) 
No caso de nosso fundador, Musashi sensei ( Miyamoto Musashi sensei ), os "treinos" eram duelos de verdade! 

25-out-2007

Kendo Nippon - Incessantemente

A matéria da revista Kendo Nippon de setembro de 2007, a qual tenho me referido estes dias encontra-se na seção "Caminho do Bushi* - O prazer de percorrê-lo", nas quais são entrevistados mestres renomados nas artes samurais. 
Neste, em que se encontram os meus professores do Niten Ichi Ryu Kenjutsu e Sekiguchi Ryu Iaijutsu como entrevistados principais,  o subtitulo é reflexivo: "Incessantemente". 
No olho: 
"Artes do samurai que foram transmitidas junto ao Kendo na infância. 
O Hyoho Niten Ichi Ryu e o Sekiguchi Ryu Iai. 
Ao retornar a terra natal Usa, os dois novamente seguem os passos de seu mestre, treinando fervorosamente e retransmitindo as técnicas antigas da arte samurai" 

Ao final do 6o Torneio Brasileiro de Kobudo, foram conferidos 4 shoden makimono*, totalizando agora na América do Sul. São 7 samurais a possuírem o makimono no estilo Niten Ichi Ryu, de nosso fundador Miyamoto Musashi ( Miyamoto Musashi sensei, criador do Niten Ichi Ryu ). 
Um estilo, um Caminho, que temos prazer em percorrê-lo. 
Incessantemente...




*bushi = samurai

*shoden makimono =pergaminhos tradicinais que atestam a evolucao nos estilos samurais , sendo o shoden as tecnicas com a espada longa

24-out-2007

Técnica e Sorriso

Falei ontem de sorrir e possuir uma boa técnica. Ao contrário de se mostrar carrancudo e nem possuir uma boa técnica. Só porque tem feições de japonês, se aproveitar disto para ludibriar ocidentais. Só por ter cabelos brancos e não falar bem o português, se aproveitar para se dizer mestre. Em qualquer arte.
Por outro lado, não sorria quando não há necessidade, pois você se passará por ser incoveniente ou palhaço. 
É verdade que o sorriso prolonga as nossas vidas em 5 a 6 anos, mas isto não é motivo para ser nojento. 
É verdade que quem não sorri gasta menos ATP e energia, mas isto não é motivo para ser chato. 
No final das contas, o importante, se você é um guerreiro, é ter uma boa técnica. 
E se puder sorrir, melhor.

 
egao = sorriso

23-out-2007

Kendo Nippon - Ishi sensei

Esta foto, publicada na Kendo Nippon, também no mês passado, nos mostra o Ishi sensei ensinando iai do Sekiguchi Ryu.
Desde a tenra infância, tem treinado ao lado de Yoshimoti sensei ( 12o dai* do Niten Ichi Ryu e Menkyo Kaiden* no Sekiguchi Ryu Iaijutsu) , tanto o Niten Ichi Ryu e o Sekiguchi Ryu.
Sempre sorrindo, está longe de ser o tipo desses pseudo mestres que só fazem cara feia e ostentam cabelos brancos e bigode.
Sorrindo, não perde a pose, e sempre com uma apresentação impecável dentro e fora do dojo, é dono da melhore técnica de iai na província e umas das melhores no Japão.
Quando nos encontramos, o sake é indispensável. Tiramos a máscara juntos, literalmente.
Bom e sincero - este é o Ishi sensei.

*dai = sucessor do estilo

*menkyo kaiden = graduação máxima no estilo

22-out-2007

Kendo Nippon - Iaijutsu com crianças

Num dos treinos de Sekiguchi Ryu Iaijutsu, lembro-me de Gosho Sensei orientando este menino.
Gosho sensei, apesar de tranquilo, não media esforços em repreendê-lo quando este se distraia ou amolecia no treino. De vez em quando me dava até dó... Um simples passo, mandava repeti-lo várias e inúmeras vezes. Não só isso, mas repreendia-o verbalmente. E o mais incrível: nenhum elogio, nenhum sorriso, por parte do mestre. Apesar disso, o menino continua firme. Deve ter nascido forte...
Esta foto, tirada pela revista Kendo Nippon, do mês passado, mostra o Yoshimoti Sensei, 12o dai* do Niten Ichi Ryu ( 09 de outubro - Kendo Nippon, Kyoto Taikai ) passando o tobitigai* ao garoto.
Daqui a alguns anos, este garoto surpreenderá todos, e provavelmente, a exemplo de Gosho sensei e Yoshimoti sensei, terá o seu nome reconhecido em todo o Japão.
Adultos que treinam semanas com bokuto* e saya de plástico* são crianças, se comparados ao nosso samuraizinho de 8 anos, que ao lado de outros da mesma idade, treinam com a katana de aço.
Adultos que necessitam de atenção e treinam com saya de plástico devem deixar de ser crianças.

18-out-2007

Lenda do Torneio

"Com todo o esforço físico e com uma natureza privilegiada (grama, lagos, cerejeiras, bambuzais) tivemos a nossa técnica apurada, nossa moral elevada e nosso espírito iluminado. E tudo isto, quem sabe, se tornou início para várias estórias e lendas a partir daí. Como a que conto a seguir:

Era uma manhã cedo antes do café. Todos corriam e pararam em um gramado para teinar Katas de espada. Havia um ninho de quero-quero (passarinho) com quatro ovos em meio ao gramado. Todos se esmeraram (a exemplo dos monges buditas) a não prejudicar o ninho. Continuidade de gerações, do conhecimento à sabedoria ou simples preservação da natureza??? O diferencial era que se tratavam de praticantes do Niten!!!"


obs: o texto deste café foi enviado pelo Aluno de Jojutsu do Rio de Janeiro, Hélio Brum.

17-out-2007

Método KIR: não é!

"O que é o Método KIR*?"
Por que os ocidentais só querem saber "o que é"? E não procuram "ver" o que é???
Aliás, não é só ver o que é! É .... sinta o Método KIR!!!
O que é a disciplina? Sinta a disciplina!
O que é o fogo? Sinta o fogo!
Não é possivel explicar em palavras " o que é ". Tem que estar convivendo e sentindo a energia do Método KIR, assim como  a disciplina, o fogo.
Aqueles que conviveram comigo durante os 3 dias entendem do que estou falando...

16-out-2007

Kobudô e Inoshishi

Recebi o email desta aluna ainda no final do domingo:

O Sexto Torneio Brasileiro por Equipes de Kobudô, realizado em Ibiúna, foi muito proveitoso para todos.
Antes de falar sobre ele, gostaria de relembrar as palavras do Sensei na carta de felicitações de Ano Novo:
"O ano de 2007 é o ano do INOSHISHI, o javali (...). Quando vê sua presa, parte para acertá-la com tudo, em linha reta, sem se importar com os lados. Que tenhamos 2007 como um ano repleto de golpes certeiros. Sem hesitação, dúvida ou arrependimento. 2007... treinar como nunca. Para adquirirmos a coragem do guerreiro e a obstinação do INOSHISHI."
Ao ler a carta, após o torneio, senti que de fato o espírito do inoshishi esteve presente em todos que organizaram, colaboraram e participaram do evento.
Foi um torneio e foi um gashuku. Acordar cedo, limpar os banheiros, limparo dojo, limpar os refeitórios, treinar, treinar e treinar, além decompetir.
Durante quase trës dias todos se esforçaram e fizeram do torneio um belo aprendizado, com inúmeros momentos de ouro.
No terceiro, e último dia, tivemos o Seminário de Niten Ichi Ryu, igualmente proveitoso. Um privilégio para os que compareceram - poder ter o Sensei para explicar e ensinar mais ainda sobre o estilo deixado por Musashi-sensei.
Mais que um torneio, foi um aprendizado sobre servir, ser útil.
Estar ao lado do Sensei para ouvir, aprender e aplicar o Bushido no dia-a-dia é uma honra. Aos que não foram, apenas digo que perderam momentos importantes.
Domo arigato gozaimasu Sensei por nos guiar no Caminho!!!
Domo arigato gozaimashita à todos que fizeram o torneio acontecer!!

Para aqueles inoshishi que acertaram golpes certeiros, omedeto.
Àqueles que ainda não conseguiram, ainda temos novembro e dezembro.
 




topo

(+55 11) 5539-3587 seg-sex 9h-18h
(+55 11) 99734-6497 seg-dom 9h-22h